ÚLTIMOS ARTIGOS

Google descontinua projeto “Here” do Google Maps

Por em 1 de setembro de 2015 – 22:23

google-map-marker

Faz algum tempo o Google vem trabalhando em um modo de tirar proveito das lojas de varejo que estão no Google Maps para exibir ofertas e recompensas utilizando a localização dos usuário.

O mais recente projeto, que era conhecido internamente como “Google Here”, foi abruptamente cancelado após temores de que a nova funcionalidade pudesse vir a ser considerada como invasiva.

Google Here funcionaria como uma notificação na tela de bloqueio após a entrada do usuário em uma loja parceira como a Starbucks.

“Fontes familiarizadas com o projeto disseram que o Google estava preocupado com o fato de que serviço podesse ser visto como invasivo e também havia a incerteza do interesse dos varejistas, levando ao CEO da Alphabet Larry Page a descontinuá-lo”, publicou a Forbes.

Fachada externa do Googleplex ganha novo logotipo

Por em 1 de setembro de 2015 – 20:58

google-new-logo

Tudo no Google é muito rápido e a troca do logotipo não poderia ser diferente. Após o anúncio da nova identidade visual, a equipe do Google prontamente resolveu atualizar sua fachada externa e muretas com sua nova marca.

Alguns Googlers registraram o processo no Twitter:

Comentários (0) Categorias: Google

Google mostra quais eram os logotipos alternativos

Por em 1 de setembro de 2015 – 20:35

google-logos

A imagem acima, divulgada pela própria empresa, mostra mockups de logotipos alternativos que batalharam internamente para ganhar fama e a imensa visibilidade da gigante de Mountain View.

De fato, na minha opinião, o Google escolheu o melhor logotipo para representar sua nova identidade visual – enquanto manteve com sucesso suas essências e as cores clássicas.

Comentários (0) Categorias: Google

Facebook lança melhorias no Instagram Direct

Por em 1 de setembro de 2015 – 20:12

instagram

O Facebook informou hoje que lançou melhorias no recurso do Instagram Direct para permitir que os usuários do Instagram possam realmente ter uma conversa dentro do aplicativo, enquanto oferece um novo modo de envio de conteúdo direto para a tela de chat do Direct.

“A conversa em sequência facilita para ir e voltar em um assunto com as pessoas que você mais conversa. No lugar de criar uma nova conversa toda vez que enviar uma foto ou um vídeo, a conversa terá continuidade com base nas pessoas que fazem parte dela – o que faz com que os momentos fluam de forma natural”, publicou a empresa.

“Também adicionamos a possibilidade de nomear os grupos, uma câmera de fácil acesso que permite responder rapidamente com uma selfie, e emojis muito maiores para quando eles conseguem dizer tudo”.

A versão 7.5 do Instagram já está disponível no Google Play.

Google renova seu logotipo

Por em 1 de setembro de 2015 – 15:23

 

googlelogo_color_300x104dp

Nos últimos meses, a Google tem passado por diversas transformações, desde o diretor até a nova holding chamada Alphabet. Mas dessa vez, todos foram pegos de surpresa com seu novo logotipo na página inicial do buscador com um tradicional doodle comemorativo para a ocasião, mais simples porém com as mesmas cores infantis que já se transformaram em um referência para a marca.

Novo logotipo do Google. (Foto: Reprodução/YouTube)

“Hoje em dia as pessoas interagem com os produtos Google através de distintas plataformas, aplicações e dispositivos – às vezes num só dia. E esperam que a Google possa ajudar do que precisam, seja através de um telemóvel, televisão (…) ou até de uma tela de computador. Hoje apresentamos um novo logo e uma identidade que reflete esta realidade e mostra como a magia da Google trabalha para si, até nos ecrãs mais pequenos”, esclarecem executivos da gigante da internet.

Doodle de lançamento do novo logotipo da Google

O novo logo, com cores mais fortes e fontes mais simples, aparecerá em breve nos serviços da empresa. O estilo das letras também serão usados em recursos das ferramentas existentes.

História do logotipo Google, na wikipédia

 

Estudantes de SP começam a aprender “Internet das Coisas” com kit Android da Samsung

Por em 31 de agosto de 2015 – 17:19

No dia 12 de agosto, durante o evento de educação World Skills em que estudantes brasileiros do Pronatec venceram as competições em São Paulo, a Samsung apresentou um programa de educação gratuita, online e implantada em instituições chamado Tech Institute Internet of Things. O programa tem previsão de início prático em 2016, embora algumas escolas já estejam implantando o curso em fase de testes na zona sul paulistana.

internet-das-coisas-samsung-1

A iniciativa foi viabilizada com a parceria do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológicos (LSI-TEC) e o apoio da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli – USP). A ideia é massificar a implantação de tecnologias domésticas como sensores e gadgets autômatos para criar casas inteligentes. Serviços desses, atualmente, não saem por menos da faixa entre R$ 10 mil e R$ 20 mil.

internet-das-coisas-samsung-2

“A ideia é que os alunos já sejam introduzidos aos conceitos básicos de eletrônica e de programação Android ainda no período do ensino médio. Assim eles entram preparados em instituições como a Politécnica e outras faculdades na área”, explicou a professora Roseli Lopes da Universidade de São Paulo. Para o ensino, a Samsung oferecerá um kit Arduino básico, chamado UNO, para que os estudantes entendam o funcionamento de diferentes circuitos.

internet-das-coisas-samsung-3

Os alunos poderão, por exemplo, criar painéis eletrônicos informando se um banheiro está ocupado ou vazio. Por outro lado, será possível acender e apagar a luz sem tocar em um botão. São usos inteligentes da tecnologia que envolvem a voz, os gestos e outros dispositivos eletrônicos. Tudo isso funciona bem graças ao sistema de código aberto do Android, um SO do Google.

Patente do Google revela sensores que poderiam detectar a qualidade das estradas

Por em 25 de agosto de 2015 – 23:06

google-patente-rodovias

O Escritório de Patentes e Marcas dos Estados Unidos concedeu ao Google uma interessante patente que poderia viabilizar um sistema capaz de detectar as condições de uma estrada.

De acordo com o documento, o sensores no veículo seriam capazes de coletar e emitir alertas para buracos e outros problemas na estrada para os usuários do Google Maps ou Waze através de uma rede móvel.

Não está claro se o sistema estaria disponível para qualquer veículo ou funcionaria como uma nova feature do projeto de carros autônomos do Google.

Atualmente o Google Maps já oferece alertas para coisas como acidentes, construções, perigos em rodovias, e aqueles alertados por usuários no Waze, como polícia, rodízio e bloqueios pontuais.

Comentários (0) Categorias: Google

Facebook lança Moments, app para compartilhar momentos no Android

Por em 25 de agosto de 2015 – 22:42

moments-android

O Facebook lançou hoje no Brasil o Moments, uma nova forma de compartilhar momentos com amigos. Disponível no Google Play, o aplicativo foi finalmente liberado no Brasil.

O Moments é um aplicativo que permite compartilhar fotos com amigos e ter acesso a fotos compartilhadas de forma rápida e fácil. Depois de eventos, celebrações, viagens ou baladas, ficou ainda mais fácil reunir as fotos que todos os amigos tiraram juntos.

“O Moments agrupa as imagens no seu telefone baseado em quando elas foram tiradas e em quais amigos aparecem nela, usando tecnologia de reconhecimento facial”, publicou a rede social.

“Você pode depois, de maneira privada, sincronizar essas fotos de forma fácil e rápida com amigos específicos, e eles podem escolher sincronizar as fotos deles com você também. Agora, você e seus amigos têm todas as fotos que vocês tiraram juntos”.

Chromecast é o segundo dispositivo mais popular de streaming nos EUA

Por em 24 de agosto de 2015 – 20:41

chromecast-4

De acordo com dados da Parks Associates, o Chromecast foi o segundo dispositivo de streaming mais popular dos Estados Unidos em 2014.

Roku, de acordo com os dados, é o dispositivo de streaming mais popular com 34% do mercado, enquanto a Apple TV aparece em quarto, sofrendo uma queda do terceiro lugar quando comparado com o ano de 2013.

“Roku continua a liderar o streaming de mídia com 34% das unidades vendidas em 2014. Google é o segundo com 23%, e a Amazon ultrapassou a Apple no terceiro lugar”, disse Barbara Kraus, diretor de pesquisa da Parks Associates.

Kraus completa dizendo que o uso destes dispositivos “irá conduzir fluxos de receitas alternativas, como as vendas de conteúdo e publicidade”.

Google quer transferir seu backup local para a nuvem

Por em 24 de agosto de 2015 – 20:27

google-drive-cloud

Transferir grandes quantidades de dados para a nuvem não é algo fácil. Se você possui dezenas de HDs portáteis, o cenário se transforma facilmente em um pesadelo.

De acordo com o Google, levaria cerca de 100 dias para fazer upload de um terabyte de dados através de uma conexão DSL, aquela encontrada em residências.

Pensando nestes neste público que adoraria passar tudo para a nuvem, o Google lançou um programa piloto que permite enviar dispositivos de armazenamento físicos para uma empresa parceira e, em seguida, ter todos os seus dados armazenados no Google Cloud Storage.

Off-line Media Import / Export é uma solução que permite que você carregue dados no Google Cloud Storage enviando suas mídias físicas, como discos rígidos (HDDs), fitas e pen drives, para um provedor de serviço que irá carregar os dados em seu nome”, publicou a empresa.

“Off-line Media Import / Export é útil se você está limitado a uma conexão lenta de Internet, não confiável, ou caro”.

Embora os locais indicados pela empresa possam ser encontrados em suas páginas, o Google diz “não fornecer, apoiar ou endossar serviços os serviços de importação e exportação, e não recebe uma taxa ou comissão de serviços”.

Comentários (0) Categorias: Google