Blog

Google vai finalmente encerrar o Picasa

7

Após 5 anos sem grandes novidades no Picasa, a equipe do produto anunciou hoje que o serviço será desligado nos próximos meses. A decisão afeta o Picasa Web Albums e o software do Picasa para Windows.

“Depois de muita reflexão e consideração, decidimos aposentar o Picasa ao longo dos próximos meses, a fim de se concentrar inteiramente em um único serviço de fotografia, o Google Fotos”, publicou Anil Sabharwal, Chefe do Google Fotos.

Enquanto o Picasa para Windows deixará de existir a partir do 15 de março de 2016, o Picasa Web Albuns terá um pouco mais de tempo, ao encerrar suas atividades no dia 01 de Maio de 2016.

Adquirido pelo Google em 2004, o Picasa nunca teve a oportunidade de ir para os celulares. Embora seja uma marca conhecida dos usuários, o buscador foi negligente com seu desenvolvimento e na visão a longo prazo.

Em 2013, por meio de meu perfil no Google+, tentei sugerir um possível futuro para o Picasa:

App do Google no Android agora envia mensagens de WhatsApp e Telegram usando só a voz

4

O Google Brasil anunciou uma atualização no aplicativo do Google no Android que introduz a possibilidade de enviar mensagens por meio de WhatsApp e Telegram somente com a voz.

“O novo recurso funciona com o WhatsApp, Telegram, Viber e, claro, Hangout. Você pode, por exemplo, dizer coisas como ‘enviar uma mensagem de WhatsApp para Lydia. Obrigado'”, publicou a empresa.

Também é possível enviar mensagens mais longas como: “‘enviar uma mensagem pelo Viber para Calissa. Estou no supermercado agora. Você precisa de alguma coisa?’”.

Para uma mensagem SMS, basta dizer: “OK, Google, enviar mensagem para Carol”, que o envio também será feito sem qualquer necessidade de tocar na tela do celular.

Caso você esteja longe do smartphone, o buscador informou que o recurso de voz também foi integrado ao Android Wear, plataforma que equipa dispositivos como o Moto 360.

Óculos de realidade virtual do Google vai funcionar independente do celular ou PC

0

De acordo com o Wall Street Journal, o dispositivo de realidade virtual do Google não vai exigir a presença do smartphone ou computador para funcionar.

Com o lançamento previsto para o final do ano, o óculos de realidade virtual da gigante de Mountain View vem sendo desenvolvido para ter um funcionamento autônomo, uma evolução significativa do Google Cardboard.

“A Alphabet está desenvolvendo um dispositivo de realidade virtual all-in-one que não depende de smartphone, computador ou console de jogos”, menciona a publicação.

O WSJ ainda reporta que o equipamento irá incluir uma tela, processadores de alta potência e câmeras no exterior.

Chrome para Android agora pode interagir com objetos físicos

0

Utilizando a tecnologia de código aberto Physical Web, o Chrome para Android agora se comunicar com qualquer dispositivo inteligente – desde uma máquina de salgadinho, cartaz, brinquedo, ponto de ônibus, carro alugado – sem a necessidade de baixar qualquer aplicativo adicional.

A feature já vinha sendo testada em dispositivos da plataforma iOS mas finalmente os usuários do Android também podem tirar proveito da novidade. A compatibilidade foi incorporada ao Chrome 49 – atualmente em versão beta.

Physical Web funciona como um QR Code ao oferecer informações adicionais sobre um serviço, mas a nova tecnologia remove a necessidade de procurar ou digitalizar.

chrome-android-physical-web

Patente do Google revela caminhão autônomo de entrega

0

Parece que o Google não está completamente satisfeito com a ideia de possuir “apenas” carros autônomos e drones para entregas.

Uma patente concedida a empresa de internet revela detalhes de um “plataforma de entrega autônoma” por meio de um “caminhão autônomo com armários” que seria dirigindo para o local do cliente.

A patente descreve um “sistema de segurança para pacotes” e “compartimentos protegidos” no veículo como modo de autenticar as entregas aos cliente corretos.

O documento informa ainda que um sistema automatizado só permitiria a retirada da encomenda com a introdução de um código pin, cartão de crédito ou um leitor de NFC.

Embora não há grandes detalhes sobre o caminhão, a patente menciona tecnologias como “vários sensores”, incluindo câmeras de vídeo e sensores de radar e controles autônomos do veículo”.

patente-caminhao-autonomo

Teaser do LG G5 revela tela ‘sempre ligada’

2

Embora não mostre o design final do aparelho, a LG revelou hoje, por meio de um GIF postado nas redes sociais, que planeja introduzir uma tela ‘sempre ligada’ na quinta geração da sua linha G.

A tela deverá trazer constantes informações, além de exibir pequenos ícones de aplicativos com notificações específicas. Não se sabe ainda se seu funcionamento será permanente ou igual ao Moto X que exibe informações ao detectar um movimento.

Rumores da indústria apontam ainda que a carcaça do LG G5 deverá ser fabricada em metal, com um design mais arredondado do que as versões anteriores do aparelho.

Google Chrome não é o novo Internet Explorer

64

O Tecnoblog, por meio do nosso amigo e editor Paulo Higa, levantou uma interessante questão ao sugerir que o “Chrome é hoje o Internet Explorer dos browsers atuais” – principalmente ao recordar a posição monopolista do navegador da Microsoft nos anos 90 e início do ano 2000.

É fato que, assim como no passado do IE, o Chrome atingiu níveis altíssimos de uso e tem deixado seus concorrentes em uma posição extremamente desconfortável, o que poderia prejudicar a competição, inovação e a compatibilidade entre os principais navegadores.

Mas a história do Chrome não pode ser comparada com o Internet Explorer. Nos anos 90, a Microsoft foi processada após assumir práticas ilegais ao embutir seu navegador dentro do Windows, o que dificultava ao Netscape qualquer possibilidade de competição.

Ao distribuir o IE com o Windows 95 e 98, a Microsoft obteve sucesso em sua estratégia: derrubou o market share do Netscape para menos de 1%. Mesmo com a tentativa de liberar uma versão gratuita do navegador, o lendário navegador não tinha mais força para enfrentar a empresa de Bill Gates.

Com o Chrome, a história é completamente oposta. O Google conquistou os usuários ao apresentar features que mudaram o mercado: navegador leve, simples, veloz, com atualizações automáticas e uma integração com o mecanismos de pesquisa que mudou a forma como pesquisamos na internet.

O Google não venceu a Microsoft e Mozilla com práticas questionáveis, e muito menos possui um monopólio. O Chrome é hoje o navegador mais utilizado devido a visão inovadora do Google e a preferência massiva dos usuários.

Gmail vai alertar para envio e recebimento de e-mails inseguros

0

Em celebração ao Dia da Internet Segura – que ofereceu um bônus de 2GB de armazenamento gratuito a todos que fizeram um checkup em suas configurações de segurança no Google – o buscador também anunciou que passará a alertar os usuários do Gmail sempre que mensagens forem enviadas e recebidas por fontes não-criptografadas.

“Se você receber uma mensagem, ou estiver prestes a enviar uma mensagem, cujo o serviço de e-mail não suporta criptografia TLS, você verá um ícone de cadeado quebrado na mensagem”, disse a empresa.

“Se você receber uma mensagem que não pode ser autenticada, você verá um ponto de interrogação no lugar da foto do remetente, logotipo da empresa ou avatar”.

O Google alerta que nem todos os e-mail não autenticados devem ser considerados como perigosos, mas alerta para que os usuários evitem clicar ou responder a estes destinatários.

Mensagem não criptografada

Aplicativo de caronas do Waze entra em operação

9

Após passar algum tempo em testes fechados, o aplicativo do Google que disponibiliza um serviço de compartilhamento de carros de passeio está pronto para ganhar mais espaço.

Lançado originalmente sob o nome RideWith, o serviço já foi renomeado para “Waze Rider by Waze” e agora pode ser encontrado no Google Play (ainda não disponível para download no Brasil).

Diferente do Uber ou Lyft, os usuários do Waze Rider não são condutores profissionais e apenas recebem uma taxa nominal que cobre o combustível e outros pequenos custos.

“Waze Rider encontra o passeio mais conveniente e acessível ao conectar com amigos do Waze”, diz o buscador. “Você será notificado quando um Wazer planeja passar em seu trajeto. Uma vez definido, tudo que você tem que fazer é ficar pronto para ir!”.

Assim como os primeiros testes, o aplicativo está disponível apenas em Israel.

Google quer explorar carregamento sem fio para carros autônomos

2

A ideia de uma frota de carros autônomos talvez seja uma das mais avançadas e incríveis da nossa geração, mas estes veículos eventualmente precisarão manter suas baterias recarregadas para trafegar o dia todo.

Uma publicação da IEEE Spectrum afirma que o Google quer resolver este problema por meio de indução magnética ressonante, uma forma de carregamento sem fio que poderia usar transmissores embutidos em bueiros ou no próprio pavimento.

“Os veículos autônomos poderiam parar acima destes dispositivos de carga por alguns minutos ou passar por uma série de transmissores enquanto o carro está em movimento”, explica a reportagem.

Google e outros fabricantes poderiam usar a estrutura de carregamento sem fio para incorporar baterias menores e mais leves do que aquelas usadas atualmente em veículos elétricos, reduzindo o preço dos carros no futuro.

Destaques

Google vai finalmente encerrar o Picasa

Após 5 anos sem grandes novidades no Picasa, a equipe do produto anunciou hoje que o serviço será desligado nos próximos meses. A decisão...

Social

28,742FãsCurtir
32,780SeguidoresSeguir
34,299SeguidoresSeguir