Blog Página 930

Pânico faz “Dança do Siri” no Second Life

31


Nem mesmo o Second Life escapou da turma do programa Pânico(Rádio Jovem Pan e Rede TV!).

Neste último final de semana, a Rede Globo realizou uma festa virtual no Second Life com artistas da novela “7 Pecados” e teve uma inesperada invasão: Vesgo, Silvio Santos e Rosana Hermann(redatora do programa).

Os três avatares do Pânico fizeram a “Dança do Siri” virtual atrapalhando o andamento da festa realizada pela Rede Globo resultando no banimento dos três personagens.

“Vesgo e silvio estão aqui com seus avatares mas não podem entrar. A ilha foi fechada. Olha que coisa… só porque eu dancei como eu queria. Que repressão, hein?” disse Rosana Hermann em seu blog.

Novo filme de Michael Moore no Google Video

1


O blog Google Blogoscoped reporta a disponibilidade do novo filme de Michael Moore no Google Video. “Sicko” é uma comédia sobre 45 milhões de pessoas sem acesso ao sistema de saúde no país mais rico da Terra.

UPDATE: O leitor Rodrigo informou ao Google Discovery a remoção do video. O link original apresenta um erro ao ser acessado.

Joost, YouTube e você: tudo a ver

2


Quanto Niklas Nennstons e Janus Friis lançaram a Joost, afirmaram que, daquele dia em diante, a televisão não seria a mesma. Poucos duvidaram. Afinal, eles já haviam colocado de cabeça para baixo as indústrias fonográfica e de telefonia com seus KazaA e Skype. E quem já teve oportunidade de navegar por aquela revolucionária TV por Internet tem muitas razões para acreditar nesta previsão. Afinal, ela consegue aliar o melhor da HDTV com toda a interatividade da Web 2.0, além do conteúdo de parte de grande parte das emissoras do mundo, com a liberdade de podermos assistir os programas, no momento que desejarmos, coisa que o YouTube havia inventado cerca de um ano antes. Assim, apesar de ser um beta, tem um grande futuro e o mundo inteiro está de olho nesta revolução.

Na Info deste mês, o colunista Dagomir Marquezi mostrou um panorama completo da Joost, que já tem competidor.

Entretanto, a vida da Joost, neste início, não são apenas flores. O serviço é ainda instável e dependerá de fortes investimentos em servidores e redes, onde entrarão as empresas de telecom e cabo. Nesta semana, o site TechCrunch abordou muito apropriadamente o tema (merece ser lido).

Importante que se diga, quem começou esta febre do vídeo pela Internet foi o YouTube. São plataformas totalmente diferentes, mas têm uma origem comum: a TVIP.

Desde de que a Google comprou o YouTube, muita coisa mudou no mercado de vídeo na Internet. Ela se tornou líder de vídeos. Muitos competidores apareceram. A Google Vídeo se tornou buscador de vídeo, deixando a vocação de gerador de conteúdo para o YouTube. A News Corp. se firmou como a segunda do mercado com sua poderosa MySpace etc. E não nos esqueçamos da entrada no mercado na notável Apple TV (agora com conteúdos YouTube). O próprio YouTube mudou muito, tendo agregado muitas funcionalidades novas, inclusive se aproximando de programações próprias de TVs, como, por exemplo, apresentação interativa de debates presidenciais americanos, em conjunto com a CNN, apesar de Erich Schmidt afirmar que “YouTube não é televisão, mas uma nova forma de distribuir vídeo”. Mas não vale lembrar que ele mesmo desdenhou da criação do Joost, dizendo que a Internet não tinha estrutura para esta tecnologia e, logo depois anunciou a criação de enormes centros de dados nos EUA e Europa. Será para que?

Pelo visto, o Joost tem muitas diferenças com o YouTube, mas também tem sinergias. Assim, no futuro, poderão continuar a competir, ou se unirem.

Mas este xadrez é complexo, pois há muitos outros “players”, que poderiam embolar o jogo.

A primeira que me vem à cabeça é a Microsoft, que depois da compra da aQuantive e da criação do site Soapbox, entrou de vez na briga pela rede. Também no campo da Internet, a Yahoo!, MySpace e outros. As próprias televisões tradicionais, como CBS, NBC, News Corp., ABC, Discovery e, por que não dizer, também a nossa TV Globo (Plim! Plim!). Ainda vejo a possível concorrência das empresas de telecom e cabo, como AT&T e Comcast. Por final, vejo como concorrentes a criar uma empresa semelhante ou comprar o Joost os estúdios de cinema, como a Sony e a Viacom.

Quanto à Viacom, aliás, vale um parêntese. Ela está processando o YouTube em US$ 1 Bilhão por alegada infração a direitos autorais e a sentença parece não ser muito interessante para nenhuma das partes. (Mas este é outro assunto, que vale outra conversa, pois é muito interessante.) Entretanto, depois que o Steve Chen assumiu publicamente que eles estão fazendo um sistema de controle de direitos autorais de músicas e vídeos, já tem jornalistas americanos dizendo que um acordo é possível. E não podemos nos esquecer que a Viacom investe no Joost.

Será que poderia haver um acordo com a Viacom, que incluísse a compra do Joost pela Google e até a transformação de Niklas Nennstons e Janus Friis em Googlers? Isto é muito pouco provável, mas não me espantaria se acontecesse.

Rômulo de Araújo Mendes é Juiz de Direito em Brasília e especialista em Direito Eletrônico.

Aplicativo de apresentação do Google Apps chega até o final do ano

1

O Google irá adicionar um aplicativo de apresentação na suíte Google Apps até o final do ano, afirmou Matthew Glotzbach, diretor de produtos da divisão corporativa do Google.Segundo ele, ainda é possível que sejam acrescentado ainda outros aplicativos na suíte online. Isto inclui aplicativos para criação de vídeos, blogs e grupos de discussões.

“Apresentação é um recurso do Google Documents, não é como montar um aplicativo de apresentações em separado’, disse Glotzbach. “Nós estamos construindo esta habilidade para que seja possível fazê-la [a apresentação] a partir de um documento”.

Leia matéria completa na PC World.

Google celebra Dia dos Pais nos EUA

0


O Google.com está celebrando hoje o “Dia dos Pais” norte-americano.

“Nos Estados Unidos, Sonora Luise resolveu criar o Dia dos Pais em 1909, motivada pela admiração que sentia por seu pai, John Bruce Dodd. O interesse pela data difundiu-se da cidade de Spokane para todo o Estado de Washington e daí tornou-se uma festa nacional. Em 1972, o presidente americano Richard Nixon oficializou o Dia dos Pais” retirado da Wikipédia.

Google Doodle que celebrou em 2006 o Dia dos Pais:

Via: Googlified

YouTube ganha versão para celulares

1

YouTube lançou também hoje uma versão de seu site para dispositivos móveis e está disponivel no endereço m.youtube.com. Para usa-lo você precisa de um celular que rode videos em streaming (RTSP/3GP with H263/AMR) e um plano de transferência de dados ilimitado pois o “YouTube Mobile é uma aplicação de uso de dados intensivo”. A maioria dos celulares 3G suportam 3GP, mas você somente poderá rodar esses arquivos em seu computador de você um player como MPlayer, VLC, RealPlayer ou Quicktime.

Uma pequena parte dos videos do YouTube estão disponíveis para a versão móvel e incluem versões curtass de videos que foram enviados recentemente ou populares. Há também três categorias especiais: pessoas, entretenimento e uma caixa de surpresas(grab bag) e um campo de busca que permite encontrar vídeos.


Fonte: Google Operating System

YouTube Remixer: Edite Videos Online no YouTube

1

YouTube lançou oficialmente o YouTube Remixer , um novo serviço que permite aos usuários editarem seus vídeos através do próprio YouTube.

A novidade utiliza recursos da Adobe Premiere Express e suporta a inserção de gráficos, texto e áudio. YouTube Remixer é quase idêntica a ferramenta de Remix da Photobucket; ambos criados pela Adobe. Este recurso não deverá ser muito utilizado pelos criadores de conteúdo mas pelos uploaders casuais do YouTube.

A interface é razoavelmente simples e pode tornar o serviço desanimador com o tempo. Criar um lugar para diversas ferramentas é um progresso natural do YouTube ao fornecer para os usuários mais uma razão para passar seu tempo no site.


Fonte: TechCrunch

A importância de não ser mau

8

null
Don’t be evil. Este é o lema da Google. Durante muito tempo, ele não foi questionado. Depois da compra da DoubleClick, entretanto, muito se tem discutido sobre isso. As consequências poderão ser muito ruins para o seu futuro.

Logo de início, sofreu um processo antitruste movido pela Microsoft e pela AT&T e, logo depois, um outro, questionando o direito à privacidade dos internautas, movido pelo Governo Americano e pela União Européia. Tudo isso, aliado ao fato de que a Google detém hoje cerca de 50% do mercado mundial de buscas na Internet (exceto na China, onde a cultura corporativa e a lentidão provocada pela resistência maior dela que às outras empresas à censura, dá vitória à Baidu), pode se tornar um enorme problema para a gigante das buscas.

O processo antitruste talvez não venha a ter êxito, mas a questão da privacidade poderá exigir da Google maiores providências que apenas reduzir de 24 para 12 meses o tempo de retenção das informações pessoais dos usuários, sob pena de vir a sofrer perdas irreparáveis em sua imagem e em seu valor de mercado.
O mercado é cheio de exemplos, mas vou citar apenas três deles.

A IBM, até então a maior empresa de tecnologia do mundo, foi arrogante e não acreditou no microcomputador. Com isso, permitiu a expansão da Apple e da Intel e o nascimento da Microsoft. Estas duas últimas, quase mataram a IBM, que, por contar com grandes cabeças, soube se reinventar e hoje é novamente uma potência.

A Apple era a maior empresa fabricante de micros do mundo, mas foi arrogante e não permitiu que seu MacOS (reconhecidamente, o melhor sistema operacional da época) fosse amplamente disseminado e não se tornou padrão. Por isso, quase faliu. Hoje, porque é uma das empresas mais inovadoras do mundo, voltou a ser uma gigante.

Mas o exemplo mais contundente é o da própria Microsoft, que, ao incentivar a padronização dos softwares, via cópias até ilegais, se tornou uma gigante. Entretanto, foi arrogante e matou a Netscape, entre outras práticas monopolistas. Isto lhe rendeu processos antitruste, que duraram 7 longos anos, consumiram centenas de milhões de dólares e levou à perda de 63% no valor de suas ações, no pior momento da crise. Entretanto, o maior prejuízo da Microsoft foi o enorme exército de consumidores inimigos da marca, que ela adquiriu. O dano à imagem não tem preço e é quase impossível de ser reparado.

Não podemos nos esquecer, entretanto, que a Microsoft tem seus méritos (e não são poucos). Bill Gates tem seu nome na história da informática e sua empresa já trouxe muitas inovações. Eu arriscaria a dizer que é a empresa que mais importância trouxe para a história recente do software. Mas errou e está pagando muito caro por isso.

A Google vive um rito de passagem, de gigante com ações de mais de US$ 500,00, com supremacia no mercado, o que pode ser considerado fruto de seu próprio sucesso, ou se permitir se tornar monopolista e violadora da privacidade. A linha é muito tênue. Mais do que traçar estratégias de mercado, os seus executivos terão que estudar a História, se quiserem que ela não se repita.

Tomara que eles sejam tão bons em História como o são em buscas na Internet.

Rômulo de Araújo Mendes é Juiz de Direito em Brasília e especialista em Direito Eletrônico.

Google Notícias Brasil #2

0

nullAcordo entre Ministério Público de Minas e Google coibe crimes no Orkut
O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e o Google assinaram, na segunda-feira (11/05), na sede da Procuradoria Geral da Justiça, em Belo Horizonte, um acordo que visa a coibir os crimes praticados na web. O alvo principal é a rede de relacionamentos Orkut, que manterá uma página para intermediar acusações de atividades ilegais.

Google lança ferramenta de marketing Add Gadgets
Em palestra no CIAB, principal evento do setor bancário que ocorre até sexta-feira (15/6), o diretor-geral do Google para o Brasil, Alexandre Hohagen, anuncia o lançamento da Google Add Gadgets, ferramenta de marketing que permite que o usuário faça interação direta com banners – como por exemplo o site de seu banco – sem sair da página inicial onde estava navegando.

eBay retira anúncios da AdWords, operada pelo Google nos EUA
O relacionamento entre o Google e o eBay, que operam sistemas concorrentes de pagamento online, está se tornando mais tenso, de acordo com um analista do setor. O eBay anunciou a retirada dos anúncios em um esforço por procurar as formas mais eficientes de divulgar seu trabalho.

UE aprova anúncio do Google de reduzir tempo de retenção de dados
O comissário de Justiça, Segurança e Liberdades da União Européia (UE), Franco Frattini, considerou hoje “um bom passo” o anúncio da companhia americana Google de que reduzirá o tempo de retenção de dados pessoais dos usuários para 18 meses.

Na guerra entre Microsoft e Google, quem ganha é a Apple
“A encrenca para a Microsoft é que a Apple pode simplesmente continuar distribuíndo seu software. Desde o acordo de 2001, as ações da Microsoft caíram mais de 3%. Talvez tivesse sido melhor para a Microsoft ser dividida.”

Google prepara softwares para instituições de ensino
Discretamente, o Google está disponibilizando uma versão de seu pacote de ferramentas Google Apps para o setor de educação (mais aqui). Trata-se apenas de uma versão segmentada do conjunto de ferramentas que já era oferecido para empresas em geral, mas com uma ´abordagem´ voltada a empresas como faculdades e escolas.

Gmail pode ganhar 1 Terabyte de armazenamento

19

Um novo rumor está começando a circular na internet: Google estaria aumentando a capacidade de armazenamento de alguns usuários do Gmail para 1 Terabyte de tamanho.

Os usuários reportam ter a capacidade de armazemento aumentada para 1.000.000 MB, quase 1 Terabyte de tamanho. De acordo com outras fontes, esta poderia ser uma “resposta” do Google a empresa Lycos.

Google não fez nenhuma declaração a respeito, embora esse aumento possa ter sido ocasionado por alguma falha no Gmail. Vale lembrar que o Gmail ainda é um produto em fase beta de desenvolvimento.

Curiosidade: Para aqueles que não sabem, os funcionários do Google possuem e-mails @google.com com 1 Terabyte de armazenamento.

Destaques