Blog Página 8

Google descontinua YouTube Space em São Paulo

0

O Google Brasil anunciou, por meio de seu blog oficial, que vai encerrar as operações do YouTube Space em São Paulo.

Lançado em 2014, o espaço permitia a criadores do YouTube acesso gratuito a um estúdio com modernos recursos de equipamento audiovisual, além de treinamentos e oportunidades de networking.

De acordo com a gigante de Mountain View, a abertura do YouTube Space Rio, com 3 mil metros quadrados, agora passa a atender criadores de todo o Brasil.

“Nossa saída de São Paulo não significa que deixaremos de dar apoio e colaborar com a comunidade paulistana de criadores. O que não teremos mais será um espaço físico na cidade”, publicou a empresa.

No último mês de março, o Google Discovery questionou a empresa sobre o local do YouTube Space ter sido disponibilizado para outras empresas.

Na época, porém, o Google negou o fim do YouTube Space: “o Space em São Paulo está funcionando a todo vapor”, disse um porta-voz.

Google pode lançar Google Home ‘Max’ com som estéreo

0

De acordo com nosso colegas do 9to5Google, o Google está desenvolvendo um Google Home maior e com melhor qualidade de som que será vendido por um preço mais alto.

“Duas fontes familiarizadas com o projeto dizem que o dispositivo possui alto-falantes estéreo, conhecido internamente como: Google Home ‘Max'”, diz a publicação.

Em termos de sua aparência externa, as fontes teriam antecipado ainda que o dispositivo vem sendo planejado para incorporar materiais “premium”, dois alto-falantes de potência média e um tweeter.

Pelas descrições fornecidas, é possível afirmar – com elevado grau de certeza – que o dispositivo deve fazer frente ao Apple HomePod, a caixa de som inteligente da Apple.

Felipe Neto entra no TOP 5 dos apps mais baixados no Google Play

0

Lançado na última quinta-feira (28/09), o app do YouTuber Felipe Neto, disponível para a plataforma Android, obteve entre 50 e 100 mil downloads no Google Play.

O aplicativo rapidamente atingiu o TOP 5 da lista de mais baixados no serviço de apps do Google, à frente de aplicativos tradicionais como o Uber, Facebook, Netflix e Spotify.

“O aplicativo permite uma série de interações do fã com o artista. O usuário pode conferir transmissões ao vivos e vídeos de bastidores e dia a dia de Felipe Neto; webséries exclusivas; concursos e promoções com muita interação com os corujas, como são chamados os fãs do artista; e e os conteúdos mais especiais das redes sociais e YouTube”, diz os desenvolvedores.

Além disso, o usuário podem acompanhar tudo o que rola na nova casa dos Irmãos Neto, onde Felipe Neto e o irmão Luccas Neto produzem seus conteúdos.

Com mais de 14 milhões de inscritos em seu canal de YouTube, Felipe Neto encabeça a lista dos YouTubers mais seguidos do país.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Google desenvolvendo tela inteligente para competir com o Amazon Echo Show

1

De acordo com rumores da indústria, o Google estaria desenvolvendo uma tela de mesa inteligente com Android para chamadas de vídeo com o intuito de competir com o dispositivo Echo Show da Amazon.

O TechCrunch afirma ter confirmado o desenvolvimento do dispositivo:

“Duas fontes confirmam ao TechCrunch que o dispositivo do Google foi codificado internamente como ‘Manhattan’ e terá um tamanho de tela semelhante ao Echo Show de 7 polegadas. Uma fonte recebeu informações diretamente de um funcionário da Google”, diz o blog.

“Ambas as fontes dizem que o dispositivo oferecerá YouTube, Google Assistant, Google Photos e vídeo chamadas. Ele também atuará como um hub inteligente que pode controlar o Nest e outros dispositivos domésticos inteligentes”.

A publicação diz ainda que o Google têm planos para construir produtos com telas maiores que competiriam, por exemplo, com televisores, mas neste momento estão focados no dispositivo Manhattan.

Será que o Google Home vai sobreviver após o lançamento deste novo equipamento?

Troquei o Chrome pelo Firefox Quantum e você também vai querer trocar

27

Pelo mesmo motivo que troquei o Firefox pelo Google Chrome lá em 2008, agora volto a utilizar o Firefox Quantum devido a velocidade do navegador. Sim, a Mozilla acertou neste browser e você também precisa usá-lo.

Entre versões e versões prometendo um navegador mais rápido e com menor consumo de memória, a Mozilla viu sua base praticamente murchar nos últimos anos. De 31% em 2009, hoje o Firefox conta com apenas 6% dos usuários.

Em um esforço para recuperar sua participação de mercado e, sem qualquer dúvida, fazer frente a dominância do Chrome (líder com 55% de mercado), a Mozilla promete agitar o mercado de navegadores com o lançamento do Firefox 57.

Batizado com o nome de “Quantum”, a nova versão da raposa de fogo é duas vezes mais rápida que as compilações anteriores e também traz um consumo de memória reduzido (até 30%).

Diferente de promessas anteriores, o Firefox Quantum realmente faz você sentir que o navegador mudou. Está mais rápido para abertura de novas guia, não há travamento durante a rolagem de páginas e um design mais simples e bonito.

Firefox Quantum é o Chrome de 2008! Você sente a leveza do browser, o baixo consumo de memória e aquela rapidez que tanto nos conquista. No quesito customização, o navegador sempre permitiu configurá-lo por completo.

Entretanto, devido a base pequena de usuários e a popularidade do Chrome, o Firefox hoje sofre com a falta de boas extensões. Não há, por exemplo, nenhuma extensão do Google para o navegador.

Dependendo da adoção do Firefox Quantum, certamente os desenvolvedores irão retornar. Assim como os sites que ainda não estão bem adaptados como o TweetDeck – que deixa as barras de rolagem bem feias.

Nunca pensei que iria retornar novamente ao Firefox, muito menos devido a velocidade. Estava completamente cético ao instalar esta nova versão e fui deliciosamente surpreendido.

Parabéns, Mozilla, pelo incrível trabalho! Esperamos agora que o Google corra atrás do prejuízo e que a batalha dos navegadores volte a acontecer em benefício dos usuários.

Nota: Para ter acesso ao Firefox Quantum, basta instalar a versão beta mais recente.

Google pode lançar Ultra Pixel sem botões de navegação

2

Um rumor da indústria aponta que o Google pode lançar o Ultra Pixel, um aparelho com câmera dupla, scanner de impressões digitais na tela e, por fim, abandonar os botões de navegação do Android.

Além do Pixel 2 e Pixel 2 XL, um canal do YouTube afirma que a gigante de Mountain View teria planos de lançar um smartphone Pixel uma experiência totalmente nova no próximo dia 04 de outubro.

O YouTuber alega que recebeu imagens e vídeos de um suposto dispositivo, batizado com o nome de Ultra Pixel, que nenhum blog especializado havia acompanhado até o momento.

Uma das imagens, como você pode ver acima, mostra o que seria um suposto material publicitário sendo exibido em um notebook desconhecido.

Além de ser possível ver o dispositivo, que aparenta ter as bordas mais finas que a versão regular do Pixel, é possível ver o nome do dispositivo e o subtítulo “Phone by Google”.

Entretanto, se você prestou a atenção, ele foi redigido com um “p” minúsculo em “Ultra pixel” – erro na produção da peça ou indicativo de fraude?

Assim como o iPhone X, o Ultra Pixel poderia eliminará os botões de navegação do Android, substituindo as funções de voltar, home e aplicativos por gestos.

Veja mais imagens:

Google Slides agora mais robusto e com integração ao Keep

0

O Google anunciou diversas melhorias na ferramenta de apresentações Google Slides com a inclusão de novas funcionalidades e a aguardada integração com o Google Keep.

“A partir de hoje, apresentamos novas melhorias que oferecem a você e sua equipe ferramentas mais robustas para conquistar aquela pauta, acertar em cheio na apresentação do cliente e obter investimentos para novas idéias – tudo isso enquanto economiza um tempo valioso”, publicou o Google.

Google Keep

A grande novidade está a integração com o Google Keep que permite arrastar e soltar conteúdos entre o Keep e o Slides para facilitar a criação de apresentações a partir de ideias do serviço de anotações.

“Basta selecionar notas do Keep (ou classificar com #rótulos) e arrastá-las para o Slides. Quando você adiciona uma nota do Keep na sua apresentação, o Slides irá adicionar automaticamente título e descrição para você”.

Slides Linkados

Os usuários também podem agora tirar proveito do recurso de Slides linkados que permite manter apresentações atualizadas mais facilmente. Desta forma, não é mais necessário entrar em cada apresentação para atualizar os dados. Veja como funciona:

“Agora você pode linkar e sincronizar slides de várias apresentações somente com um clique. Desta forma, você pode manter uma única fonte de verdade e atualizar facilmente os slides vinculados de acordo com a fonte, seja uma revisão trimestral de negócios ou uma apresentação geral da empresa”.

Extras

A pedido dos usuários, o Google incluiu outras três novas funcionalidades:

  • Inserir Diagramas ou visualizações prontas para o uso, como cronogramas, processos ou hierarquias.
  • Selecionar o Grid view para visualizar todos os seus slides de uma vez como miniaturas.
  • Adaptar as apresentações para diferentes públicos com o recurso Skip slide, permitindo ocultar slides selecionados sem excluí-los totalmente ao apresentá-los do notebook ou celular.

Add-Ons

O Google ainda anunciou a chegada de complementos para o Google Slide que facilita a inclusão de imagens do Adobe Stock, diretamente no Slides; ou usar o Shutterstock Editor para adicionar e personalizar fotos.

“Hoje, estamos trazendo adds-on ao Slides. Para começar, estamos apresentando sete integrações – projetadas para trazer conhecimentos de empresas como Adobe e Shutterstock – diretamente no Slides”, diz o Google.

“Você pode usar estas novas e ricas integrações para construir apresentações mais poderosas, se você deseja adicionar imagens full-bleed, usar ferramentas avançadas de edição de imagem ou incluir diagramas que você criou em programas fora do G Suite”.

Entre os outros add-ons adicionais disponíveis estão: Balsamiq, Lucidchart, Pear Deck, Noun Project e Unsplash.

Apps Script

Para finalizar, o Google Slides agora oferece suporte a Apps Script que permite customizar menus, caixas de diálogo e barras laterais na interface do usuário.

“Apps Script fornece possibilidades ilimitadas para melhorar os fluxos de trabalho de sua equipe. As equipes de vendas podem usar o Apps Script para extrair automaticamente as informações dos bancos de dados do Sheets para criar plataformas e modelos personalizados de pauta para o cliente. As equipes de marketing podem hospedar recursos internos em uma barra lateral personalizada no Slides para ter acesso fácil a logotipos e arquivos que usam com mais freqüência”, explicou a empresa.

Roda de surpresas do 19º aniversário do Google

15

O Google está exibindo, em sua página inicial, um doodle interativo – a “Roda de Surpresas” – que celebra seu próprio aniversário de 19 anos.

Ao clicar no logotipo, os usuários podem explorar 19 surpresas que foram lançadas nos últimos 19 anos, incluindo logotipos especiais históricos e easter eggs como o jogo da cobrinha nos resultados de pesquisa.

A gigante de Mountain View aproveitou a data para relembrar o momento em que os co-fundadores Larry Page e Sergey Brin se conheceram:

“Eles dizem que a vida está cheia de surpresas, e a história do Google está cheia delas. Na verdade, não estaríamos aqui sem eles.

Em 1997, um dos co-fundadores do Google, Larry Page, acabara de chegar à Universidade de Stanford para prosseguir o seu doutorado em informática. De todos os alunos do campus, o outro co-fundador do Google, Sergey Brin, foi aleatoriamente designado a dar boas vindas a Page. Este encontro casual foi a feliz surpresa em que começou tudo.

A partir daí, os dois se juntaram com um objetivo comum em mente: organizar a informação do mundo e torná-la universalmente acessível e útil, um mantra que se tornaria a declaração da missão do Google. Os dois caíram em uma garagem – o primeiro escritório da Google – e começaram a trabalhar.

Bilhões de buscas depois, o sucesso mais feliz tenha sido como o Google cresceu ao longo dos últimos 19 anos. Nomeado com o número “googol” (um 1 seguido de cem zeros), o Google chega mais perto de seu homônimo a cada ano, atualmente atende mais de 4,5 bilhões de usuários em 160 países, falando 123 idiomas em todo o mundo”.

Dos 19 anos do Google (sem esquecer que o domínio Google.com já completou 20 anos), 11 anos foram acompanhados de perto pelo Google Discovery.

Google, tenha um feliz aniversário! Têm sido uma honra poder contar esta belíssima história diariamente aqui no blog.

WordPress anuncia integração com o Google Photos

3

O WordPress anunciou hoje uma nova funcionalidade que permite importar fotos e vídeos do Google Photos para blogs do WordPress.com ou por meio do plugin Jetpack em instalações independentes.

A partir de hoje, você pode navegar, pesquisar e copiar fotos da sua conta do Google diretamente para postagens e páginas do seu blog”, diz a Automattic, proprietária do WordPress.

“Uma vez que você estiver conectado, a Biblioteca de Mídia do WordPress.com exibirá suas fotos recentes do Google. Selecione a imagem que você deseja usar, clique no botão Inserir e no poof! A imagem será copiada para sua Biblioteca de Mídia e inserida em sua postagem”.

Assim como a busca do Google Photos, também é possível procurar por coisas através da interface do WordPress, por exemplo, permitindo localizar fotos de gato em sua conta do Google.

Para aqueles que utilizam os planos pagos do WordPress.com, como o Premium ou Business, será possível exibir vídeos diretamente da conta do Photos.

Firefox Quantum promete ser 2x mais rápido e consumir 30% menos memória

0

A Mozilla começou a divulgar um teaser para o Firefox Quantum, uma nova versão do navegador que será 2x mais rápida e com um consumo de 30% menos memória que o Firefox atual.

“Uma vez que o número de versão – 57 – não pode realmente transmitir a magnitude das mudanças que fizemos, e quanto mais rápido este novo Firefox é, estamos chamando este próximo lançamento do Firefox Quantum”, publicou a companhia.

De acordo com os desenvolvedores, este será um Firefox totalmente novo, que vem alimentado por “mecanismos completamente reinventados e modernizados”.

A Fundação liberou um teste “sincero” que compara o Firefox Quantum com o Chrome. Apesar de rápido, ele ainda perde para o navegador do Google em determinadas páginas.

Firefox Quantum será lançado no dia 14 de novembro e também vai ganhar algumas mudanças em sua interface:

Destaques