Google Meet vai compartilhar dados de banda larga com admins do Google Workspace

Com o home office se consolidando como um modelo de trabalho e, em alguns casos, com a internet banda larga sendo paga pelas empresas, o Google quer ajudar os administradores do Google Meet e Workspace a entender falhas que venham afetar os colaboradores.

“Os administradores agora podem usar a ferramenta de qualidade Meet para visualizar informações de largura de banda de entrada e saída — usadas e disponíveis — para seus usuários”, publicou o Google. 


“O fornecimento dessas informações ajuda os administradores a visualizar a largura de banda dos participantes em comparação com a qualidade de uma chamada, facilitando a determinação de onde um gargalo de largura de banda pode estar causando baixa qualidade”. 

“Os administradores podem usar os gráficos para visualizar a largura de banda enviada e recebida, a largura de banda usada e a disponibilidade da largura de banda ao longo do tempo”.

O Google espera que ao fornecer esses dados os administradores possam “realizar a solução de problemas ou trabalhar para melhorar a qualidade das chamadas em seu domínio”.

You May Also Like