Android 13 será capaz de executar Windows 11 no Google Pixel 6

O Android Police trouxe hoje uma novidade bastante interessante que o Google está desenvolvendo novo módulo no Android 13 que promete otimizar máquinas virtuais.

Segundo o blog, a coisa é tão boa que poderá rodar o Windows 11 no Pixel 6 ou 6 Pro dentro de um aparelho celular.


“Conforme mostrado pelo notável desenvolvedor Android kdrag0n no Twitter, é possível executar várias distribuições Linux e até mesmo o Windows 11 completo em um Pixel 6 na visualização do desenvolvedor do Android 13”, disseram.

“Kdrag0n observa que, após alguns ajustes, o Windows 11 é perfeitamente utilizável em seu Pixel 6, com um vídeo mostrando como a máquina virtual funciona bem e sem problemas. Claro, você também pode jogar uma sessão do bom e velho Doom se quiser”.

No Android 13, segundo a publicação, o Google criou uma nova estrutura de virtualização e introduziu o chamado pKVM (mecanismo de virtualização de kernel protegido), que estabelece a base para o suporte padronizado a VM.

O buscador teria portando o gerenciador crosvm do Chrome OS (usado para executar aplicativos Linux em Chromebooks) para o Android, trazendo-o para o sistema operacional móvel como um módulo principal que pode ser atualizado independentemente do sistema daqui para frente.

“As intenções do Google com esse novo interesse em máquinas virtuais podem derivar de seu desejo de tornar o processo de atualização e inicialização mais seguro em telefones Android”, acreditam os autores.

Se o Windows 11 é capaz de rodar no Pixel, jogar Doom é mais do que obrigatório:

Comente!