Satya Nadella: “Negociação com TikTok foi a coisa mais estranha em que já trabalhei”

Na conferência Code, o CEO da Microsoft Satya Nadella deu novos detalhes sobre a negociação “forçada” com o TikTok depois que o governo de Donald Trump ameaçou bani-lo.

“É a coisa mais estranha em que já trabalhei”, disse ele à jornalista Kara Swisher, anfitriã do evento, quando ela o pressionou por detalhes.


Foi “a coisa mais estranha que eu já relatei,” concordou Swisher.

Foi uma série caótica de eventos que começou quando Trump ameaçou forçar a empresa chinesa ByteDance a vender o TikTok para um proprietário americano.

A Microsoft apareceu como um comprador potencial, embora a empresa no final tenha fechado um acordo com a Oracle e o Walmart que foi cancelado pelo governo do presidente Joe Biden em fevereiro de 2021.

A TikTok originalmente iria para o controle da Microsoft, servindo como um parceiro de nuvem e segurança como “salvaguarda” das operações durante o cenário político da época.

“Foi assim que começou”, disse ele. “Mas fiquei muito intrigado. Devo dizer que é uma ótima propriedade. Obviamente, todo mundo viu esse crescimento e o que você viu, e acho que o resto é história.”

“O presidente Trump, eu acho que tinha um ponto de vista específico sobre o que ele estava tentando fazer lá, e então simplesmente desistiu”, disse Nadella.

“Quer dizer, foi interessante. Houve um período em que senti que o [governo dos EUA] tinha alguns requisitos específicos e, então, eles simplesmente desapareceram. ”

Ontem, o TikTok disse que atingiu 1 bilhão de usuários por mês.

Comente!