Google Trends ganha página para o Dia Internacional da Mulher

O Google Trends lançou uma página dedicada ao Dia Internacional da Mulher, com foco em tópicos relacionados ao universo feminino e as tendências de pesquisa do Brasil sobre o impacto da pandemia na vida das mulheres.

Esta página mostra que, no ano da pandemia, as pesquisas relacionadas à fadiga feminina foram um recorde. Os termos “fadiga mental” e “fadiga mental” alcançaram no ano passado o maior nível de interesse desde meados de 2004.


De acordo com a pesquisa, o interesse em buscar violência doméstica bateu o recorde dos últimos 11 anos em 2020, e as pesquisas sobre como denunciar casos de violência doméstica alcançaram o ponto mais alto nos últimos 17 anos.

Em comparação com 2020, há um aumento de 90% em 2020. Em 2020, também são registrados os registros de pesquisa de “Relatório de Violência Doméstica”.

As perguntas mais buscadas sobre o termo nos últimos 7 dias são:

1. O que é violência doméstica?
2. Como combater a violência doméstica?
3. O que entra na agressão doméstica?
4. Violência doméstica, como denunciar?
5. O que é considerado violência doméstica?

A página especial do Google Trends também mostra o que o Brasil tem procurado no Dia Internacional da Mulher, que celebra as lutas sociais, políticas e econômicas das mulheres.

Em 2020, a busca por mulheres inspiradoras também bateu um novo recorde. Nos últimos dez anos, o brasileiro nunca procurou tantos serviços para este mandato. O ano passado também foi um recorde de interesse na busca por invenções e criações femininas.

 Primeira mulher a pisar na Lua
2. Primeira mulher a votar no Brasil
3. Primeira mulher a ganhar prêmio Nobel
4. Primeira mulher a ser vacinada no Brasil
5. Primeira mulher a ingressar na ABL

Veja mais informações aqui: g.co/diainternacionaldamulher

Comente!