Médico Juliano Moreira ganha homenagem no Google

O Google está promovendo uma homenagem ao médico psiquiatra brasileiro Juliano Moreira em sua página inicial.

“O Doodle de hoje homenageia o psiquiatra, cientista, professor e reformador social brasileiro Juliano Moreira”, publicou a empresa. 


“Ao longo de sua carreira no início do século 20, Moreira revolucionou o tratamento de pessoas com transtornos mentais no Brasil e lutou incansavelmente para combater o racismo científico e a falsa vinculação da doença mental à cor da pele”.

Juliano Moreira

Juliano Moreira nasceu neste dia em 1872 em Salvador, Brasil, de mãe que era escrava em uma residência aristocrática. Com base em sua inteligência excepcional, Moreira conseguiu se matricular na Escola Bahiana de Medicina com apenas 13 anos. 

Formou-se médico ainda adolescente e, em 1896, foi nomeado professor de psiquiatria pela Universidade da Bahia. 

Moreira voltou sua atenção para o tratamento de doenças mentais e viajou o mundo para estudar abordagens de outros países. 

Ele teve a oportunidade de aplicar seus novos conhecimentos em 1903, quando foi nomeado para dirigir um hospital nacional no Rio de Janeiro, Brasil, para pacientes com doenças mentais. 

Ao longo de quase três décadas no cargo, ele implementou reformas abrangentes para fornecer uma abordagem mais humanística e científica ao atendimento ao paciente. 

Ele também foi co-autor de uma lei de 1903 que obrigava ao tratamento humano de pessoas com doenças mentais no país.   

Para homenagear o legado de Moreira, um hospital em sua cidade natal, Salvador, passou a se chamar Hospital Juliano Moreira em meados dos anos 30.      

Feliz aniversário, Juliano Moreira, e obrigado por sua dedicação a um futuro melhor da assistência psiquiátrica!

Comente!