Google e a Universidade Federal de Alagoas (UFAL), selecionarão 100 pessoas para treinamento gratuito sobre tecnologia na nuvem

Google Cloud Social, em parceria com a Universidade Federal de Alagoas (UFAL), capacitará gratuitamente 100 pessoas pertencentes à população de baixa renda, população negra, mulheres e LGBTQIA+, fortalecendo o mercado de tecnologia local para gerar mais empregos.

Por conta do distanciamento social causado pela COVID-19, a nova edição será totalmente on-line, começando já no início de outubro, com duração de 40 horas, divididas ao longo de 20 dias. Em março, Recife recebeu um projeto similar, que já capacitou 50 novos profissionais.


Durante o curso, que terá dez módulos, serão oferecidos conceitos básicos sobre infraestrutura e soluções de armazenamento de dados em nuvem, além de conhecimentos gerais sobre inteligência artificial, machine learning (aprendizado de máquina) e ferramentas do Google Cloud.

Ao final do treinamento, os 100 alunos poderão se candidatar para vagas na função de “Analista de Nuvem Jr.” ou estágio em áreas de TI que possuem sistemas e informações em nuvem pública.

A UFAL, com quem o Google Cloud está em processo de fechamento da parceria, será a responsável pela seleção dos estudantes, que, além de pertencerem aos grupos sociais minoritários, deverão possuir acesso à internet e um computador compatível com o navegador Google Chrome, para que possam acompanhar as aulas guiadas pelos especialistas do Google Cloud.

Além desses requisitos técnicos, os candidatos precisam ter noções básicas de inglês, informática e sistema operacional Linux. Também é recomendado conhecimento em alguma linguagem de computação (Java, Python).

“Acreditamos no potencial do Brasil e dos brasileiros, além do crescimento do mercado de nuvem, principalmente nesse período desafiador que todos estão passando”, afirma Eduardo Lopez, presidente de Google Cloud para a América Latina.

“Vemos dificuldades com os recrutadores para encontrar profissionais qualificados para trabalhar com a nuvem. Com isso em mente, abraçamos o compromisso de ajudar as comunidades em que estamos inseridos. A parceria com a UFAL se deu em um momento fundamental, estamos muito animados”, complementa.

Comente!