Google Maps terá uma visão mais colorida e precisa do mundo

Google Maps começou a receber, a partir de hoje, melhorias visuais para trazer ainda mais detalhes aos mapas, permitindo entender melhor uma área para exploração sem sair de casa ou até planejando uma visita.

“Com uma nova técnica algorítmica de mapeamento de cores, somos capazes de pegar essas imagens [de satélite de alta definição] e traduzi-las em um mapa ainda mais abrangente e vibrante de uma área em escala global”, diz a gigante de Mountain View.


“Com esta atualização, o Google Maps tem uma das visualizações mais abrangentes de recursos naturais em qualquer aplicativo de mapa – com disponibilidade em todos os 220 países e territórios que o Google Maps suporta”.

Segundo a empresa, as melhorias atingem uma cobertura de mais de 100 milhões de quilômetros quadrados de terra, ou 18 bilhões de campos de futebol, desde áreas metropolitanas até pequenas cidades rurais.

A empresa está usando visão computacional para identificar características naturais nas imagens de satélite, olhando especificamente para regiões áridas, geladas, florestadas e montanhosas.

Em seguida, os engenheiros do Google atribuem uma gama de cores no modelo de cores HSV – sistema de cores formadas pelas componentes hue (matiz), saturation (saturação) e value (valor).

“Uma floresta densamente coberta pode ser classificada como verde escura, enquanto uma área de arbustos irregulares pode aparecer como um tom mais claro de verde”, exemplifica a empresa.

Comente!