Google aumenta licença familiar de funcionários para 14 semanas

O Google anunciou uma ampliação na licença remunerada de seus funcionários para que possam cuidar de suas famílias, enquanto o surto de coronavírus e as escolas permanecem fechadas.

A gigante de Mountain View agora oferece 14 semanas de licença adicional, confirmou a empresa à CNN Business.


Os funcionários podem tirar semanas consecutivas de folga ou ajustar o horário de trabalho por vários dias, disse um porta-voz.

A política se aplicará apenas à força de trabalho global em tempo integral do Google – que chega a mais de 100.000 – a decisão não inclui fornecedores e prestadores de serviços.

O Google parece seguir a Microsoft que na semana passada deu aos seus empregados 12 semanas de licença parental remunerada.

Comente!