LG e Samsung negam reduzir velocidade de dispositivos mais antigos

0
309

Seguindo a mesma postura da Motorola e HTC, as marcas sul-coreanas LG e a Samsung emitiram declarações negativas sobre a possibilidade de “desacelerar” a CPU de seus smartphones conforme o envelhecimento da bateria.

De acordo com a Samsung, a empresa negou que suas atualizações visem reduzir propositalmente a velocidade de dispositivos mais antigos – a prática foi confirmada, nos últimos dias, pela Apple.


“Garantimos a vida útil prolongada da bateria dos dispositivos móveis da Samsung através de medidas de segurança multicamadas, que incluem algoritmos de software que regem a corrente de carga da bateria e a duração do carregamento. Não reduzimos o desempenho da CPU através de atualizações de software ao longo dos ciclos de vida do telefone”, disse um porta-voz da Samsung.

No caso da LG, uma nota curta enfatiza que a prática “nunca” será conduzida pela companhia:

“Nunca o faremos! Nós nos preocupamos com o que nossos clientes pensam”, disse a empresa em resposta aos contatos da imprensa.

Comente!