5 sinais que seu Android está infectado com malware

0
994

Instalar aplicativos fora da loja de aplicativos do Google Play pode aumentar a chance de uma infecção por malware – aplicativos maliciosos que tomar o controle do aparelho ou funcionam em segundo plano roubando seus dados.

Veja abaixo os 5 principais sintomas que seu aparelho pode apresentar caso esteja infectado por alguma praga tecnológica:


1. Duração da bateria ruim

Usuários de Android que não executam muitos apps ao mesmo tempo uma boa ideia de quanto tempo a bateria deve durar.

O malware pode drenar sua energia mais rapidamente do que o habitual devido ao adware, um programa spam que mostra aos usuários do aplicativo uma quantidade excessiva de anúncios.

A exibição contínua de adware afetará significamente a vida da bateria.

Se o malware se esconde à vista, fingindo ser um aplicativo regular ou tentando ficar escondido do usuário, a drenagem anormal da bateria geralmente pode indicar a presença de uma infecção do Android.

2. Rejeitar chamadas e interrupções

O malware móvel pode afetar chamadas em curso ou recebidas. As chamadas descartadas ou estranhas interrupções durante uma conversa indicam a existência de malware.

Ligue para s sua operadora de telefonia (ou abra um reclamação na Anatel) para determinar se as chamadas descartadas são culpa dela.

Se não estiver conectado a sua operadora, é possível que alguém ou algo esteja tentando escutar conversas ou tentando realizar outras atividades suspeitas.

3. Contas de telefone excessivamente caras

O malware do Android geralmente infecta dispositivos e começa a enviar mensagens de texto (SMS) para números desconhecidos.

Embora os efeitos sejam facilmente observados na sua conta de telefone, nem todos os programas de malware são obviamente gananciosos.

Muitos desses programas podem enviar poucas mensagens por mês para evitar suspeitas, ou entrar em inatividade após algum tempo.

Se você tem uma conta pós,  verifique regularmente sua para evitar que o malware esteja consumindo o seu plano.

4. Picos no Plano de dados

O malware pode ser facilmente detectado por meio de uma análise em seu plano de dados – mudanças significativas em seus padrões de download ou upload podem ser um sinal de que alguém ou algo tenha controle sobre seu dispositivo.

A configuração de limites mensais pode ajudar a descobrir se um dispositivo foi comprometido por transmissão de dados de malware. Isso também ajudará a evitar altas contas de telefone caso você seja cobrado por tráfego extra.

5. Desempenho comprometido

Dependendo das especificações do hardware do dispositivo, a infecção de malware pode causar sérios problemas de desempenho, pois ele tenta ler, escrever ou transmitir dados do seu smartphone.

O desempenho é mais um sinal de que o malware pode estar presente no seu dispositivo. Verificar a RAM (ou a carga da CPU podem revelar a presença de malware que está funcionando ativamente no dispositivo.

Formatar o smartphone a cada 6 meses pode livrar seu aparelho de lentidões e limpar a memória do aparelho. Atualizações também costumam tornar os aparelhos mais lentos.

Comente!