Tag Heuer e Montblanc lançam smartwatchs com Android Wear 2.0

0
199

Tag Heuer e Montblanc, duas relojoarias finas, apresentaram esta semana seus relógios inteligentes que virão equipados com a plataforma móvel Android Wear 2.0.

Enquanto a Tag Heuer traz um design modular permitindo personalizar a aparência do relógio, a Montblanc estreia no setor ao trazer um dispositivo esportivo com sensor de batimento cardíaco.


Tag Heuer

Desenvolvido em colaboração com o Google e a Intel, o TAG Heuer Connected Modular oferece resistência à água (até 50m) e design modular que permite até 4.000 maneiras de customizar o relógio.

O modelo conta com vidro de safira resistente a arranhões de 2,5 mm de espessura, tela touchscreen AMOLED com 1.39 polegada, processador Intel Atom Z34XX, 512 MB de memória, 4 GB de armazenamento e bateria de 410mAh.

Entre os sensores disponíveis estão: acelerômetro, giroscópio, sensor de detecção de inclinação, microfone, vibrações, sensor de luz ambiente, GPS e pagamento NFC.

Com relação ao software, o dispositivo conta com a nova geração da plataforma Android Wear 2.0, com integração do Google Assistant, Google Translate, Google Fit e outros serviços da empresa de pesquisas fornecidos por meio da loja de aplicativos do Google Play.

“As possibilidades do novo ‘Swiss made’ o TAG Heuer Connected Modular são infinitas na aparência e funcionalidades, você basicamente desenvolve seu próprio relógio”, disse um porta-voz da TAG Heuer.

Montblanc

A Montblanc apresentou seu primeiro smartwatch, o Montblanc Summit. Desenvolvido em parceria com o Google, o relógio oferece “tecnologia de ponta e o design clássico da Montblanc”.

Equipado com o Android Wear 2.0, o Summit oferece vidro de safira com uma tela de 1.39 polegada, resistência a água, 512 MB de memória RAM, 4 GB de armazenamento, bateria de 300mAh e carregamento por indução magnética.

A principal diferença em relação ao smartwatch da TAG Heuer está o sensor de frequência cardíaca que possibilita que seus proprietários possam utilizá-lo durante treinos e corridas.

Não há, por enquanto, qualquer previsão para a chegada dos novos smartwatchs ao Brasil.

Comente!