Larry Page comprou o Android pois estava frustrado com os celulares da época

Durante um testemunho em tribunal que investiga se o Google infringiu as propriedades intelectuais da Oracle ao desenvolver o Android, o CEO da Alphabet Larry Page revelou os motivos que levaram a aquisição do Android.

Page afirmou a corte que seu interesse na construção de um smartphone se deve principalmente a sua frustração com os telefones que eram vendidos mercado.


“Eu estava super frustrado com o estado dos telefones naquele momento, muitos dos quais executavam Java. Eles não funcionavam muito bem. Você não poderia tirar uma foto e compartilhá-la com alguém”, disse o co-fundador do Google.

“Tínhamos um armário cheio com uma centena de telefones para que pudéssemos testá-los. Todos eles trabalhavam de forma diferente e não podíamos colocar nosso software neles. Foi incrivelmente frustrante”, explicou Page.

O executivo acrescentou que desejava desenvolver um telefone para que pudesse expandir o acesso ao sistema de busca do Google para tantas pessoas quanto fosse possível.

“Nós fazemos grande parte de nosso dinheiro por meio do Google Search e queremos que as pessoas sejam capazes de acessar, mesmo que você não tenha muito dinheiro”, explicou.

Comente!