Estudantes de SP começam a aprender “Internet das Coisas” com kit Android da Samsung

1
520

No dia 12 de agosto, durante o evento de educação World Skills em que estudantes brasileiros do Pronatec venceram as competições em São Paulo, a Samsung apresentou um programa de educação gratuita, online e implantada em instituições chamado Tech Institute Internet of Things. O programa tem previsão de início prático em 2016, embora algumas escolas já estejam implantando o curso em fase de testes na zona sul paulistana.

internet-das-coisas-samsung-1


A iniciativa foi viabilizada com a parceria do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológicos (LSI-TEC) e o apoio da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli – USP). A ideia é massificar a implantação de tecnologias domésticas como sensores e gadgets autômatos para criar casas inteligentes. Serviços desses, atualmente, não saem por menos da faixa entre R$ 10 mil e R$ 20 mil.

internet-das-coisas-samsung-2

“A ideia é que os alunos já sejam introduzidos aos conceitos básicos de eletrônica e de programação Android ainda no período do ensino médio. Assim eles entram preparados em instituições como a Politécnica e outras faculdades na área”, explicou a professora Roseli Lopes da Universidade de São Paulo. Para o ensino, a Samsung oferecerá um kit Arduino básico, chamado UNO, para que os estudantes entendam o funcionamento de diferentes circuitos.

internet-das-coisas-samsung-3

Os alunos poderão, por exemplo, criar painéis eletrônicos informando se um banheiro está ocupado ou vazio. Por outro lado, será possível acender e apagar a luz sem tocar em um botão. São usos inteligentes da tecnologia que envolvem a voz, os gestos e outros dispositivos eletrônicos. Tudo isso funciona bem graças ao sistema de código aberto do Android, um SO do Google.

1 COMENTÁRIO

  1. Bom dia! Como assim Samsung? Que kit horroroso de Arduino é esse? A USP está fechando com empresas estrangeiras e passando na frente das nacionais?? Pra quem conhece um Kit da Robocore sabe que esse kit da foto é um lixo e não tem nada a ver com Android nem com Samsung. PELAMOR! hein?

Comente!