Chrome poderá descartar guias “menos interessantes” para economizar memória

É provável que você já visto alguém reclamar que o Chrome tem sido um devorador de memória. Normalmente estas pessoas mantém dezenas de guias abertas, o que prejudica a performance do navegador.

Em uma tentativa de remediar esta situação, o Google planeja embutir um novo recurso capaz de identificar as guias “menos interessantes” quando a memória do sistema está acabando.


Estas guias não serão excluídas por completo; você ainda irá vê-las na sua barra de guias, mas as páginas terão que ser recarregadas ao clicar sobre elas.

Se você utiliza as buiilds experimentais do Chromium, você pode ativar a novidade ao ativar a opção ‘Tab Discarding” em chrome://flags/#enable-tab-discarding.

Para ver as guias “menos interessantes” basta usar o comando: chrome://discards na barra de endereços do Chrome.

3 Replies to “Chrome poderá descartar guias “menos interessantes” para economizar memória

  1. Vejo semelhança com o gerenciamento de recursos do Android, no qual uma Atividade, que não está mais em primeiro plano, pode ser descartada para liberar recursos.

    Nunca tive problemas com o Chrome, mas acho que esse será um ótimo recurso e provavelmente será copiado em outros navegadores. Só espero que haja uma opção de marcar uma guia como “não descartável” ou que as guias fixadas fiquem de fora disso.

  2. Houve uma época em que o Chrome tinha uma função interessante, você fixava as guias preferidas e elas não carregavam automaticamente com a abertura do navegador, somente quando eram selecionadas. Isso reduzida muito o uso de memória.

Comente!