Vapores tóxicos são encontrados na sede do Google, em Mountain View

google-office

De acordo com uma reportagem da CBS Local, os funcionários do Google tem sido expostos a vapores tóxicos que estão presentes no terreno. Uma vistoria recente constatou uma elevada presença de tricloroetileno nos ambientes do buscador.


O problema afeta principalmente os edifícios QD6 e Qd7 do Googleplex, na qual as instalações foram contruídas em cima de locais que abrigaram empresas como Fairchild Semiconductor, Intel, Raytheon e outros fabricantes de chips de computador.

Essas empresas teriam descartado, segundo a reportagem, “milhares de litros de solvente tóxico para o solo”, levando a contaminação da água na região. Ao mudar para aquele local, o Google procurou instalar filtros e tem realizado rigorosos testes de qualidade do ar.

“A saúde e a segurança de nossos empregados é a prioridade número um do Google, e nós tomamos várias medidas pró-ativas para garantir ambientes mais saudáveis possível”, disse um porta-voz da empresa.

Comente!