Larry Page comandou a revolução de design no Google

larrypage

Passado alguns meses após a volta de Larry Page ao comando do Google em 2011, o buscador revelou mudanças drásticas em seus produtos ao trazer uma interface totalmente renovada. Era a primeira vez que a gigante de Mountain View refinava seu visual por completo e trazia uma nova identidade para a web.


E como tudo isso foi planejado? Diferente da Apple que o controle do design fica nas mãos de um único funcionário, no Google, por outro lado, não existe esta centralização. Cada equipe de produto trabalha em sua visão e estes conversam entre si para encontrar uma consistência adequada.

Jon Wiley, designer-chefe da pesquisa do Google, disse ao The Verge (leia a matéria especial) que a ordem de Page para reestruturar o design dos produtos foi um importante passo no processo pois finalmente possibilitava a criação de uma única linguagem.

“Historicamente haviam designers no Google que diziam ‘vamos trazer todos juntos em um projeto bonito, incrível’, mas por causa da maneira como o Google está configurado – para velocidade – foi difícil para qualquer equipe planejar algo grande”, diz Wiley.

“Sempre planejamos criar aplicações bonitas, mas as nossas prioridades eram diferentes. Uma iniciativa desta largura precisava da ‘visão de um CEO'”, completou o executivo. “Somente ele poderia reunir toda a empresa para fazer isso acontecer.”

Além da criação do Google Creative Lab, onde os designers de alto nível de Nova York foram agrupados para trabalhar em modelos e protótipos, o Google procurou reunir equipes em diversos continentes para também projetar seu futuro, como foi o caso do Google Now.

Sem alterar seu modelo inter-disciplinar e informal, uma característica única que responde pelo sucesso do buscador, a missão foi cumprida em poucos meses. Hoje o Google já explora melhorias no processo, resultando em aplicativos mais bonitos, como os recém lançados Gmail e Google Maps para iOS.

4 Replies to “Larry Page comandou a revolução de design no Google

  1. Que por sinal, os Apps para iOS do Google são muito mais cleans, bonitos e mais fáceis de se usar que os encontrados pelo Android em sua ver~sao mais nova e pura. Android 4.2.1. O que eu acho uma sacanagem.

Comente!