Nikon revela nova câmera digital com Android

A Nikon revelou hoje detalhes de sua nova câmera digital, a Coolpix S800c, que vem equipada com o sistema operacional móvel Android (2.3 Gingerbread) e acesso ao Google Play.


O modelo traz ainda GPS para georreferenciamento, zoom óptico de 10x, sensor de 16MB, tela sensível ao toque de 3,5 polegadas, gravação de vídeo em 1080p e 4GB de armazenamento interno.

“A S800c estabelece uma nova linha na série COOLPIX S que vem equipada com Android e Wi-Fi, em uma operação semelhante aos smartphones”, anunciou a Nikon em seu site. “S800c cumpre a mais recente proposta da Nikon de oferecer novas formas de usar câmeras digitais, tudo em um único corpo e compacto.”

A Nikon informa ainda que o produto estará disponível em setembro, em versões branca e preto por um preço sugerido de US$ 349,95 nos Estados Unidos.

6 Replies to “Nikon revela nova câmera digital com Android

  1. Sinceramente? Acho uma grande bobagem uma câmera vir com Android ou qualquer SO que seja. Com a evolução dos smartphones, as câmeras estão cada vez sendo menos usadas e, dessa forma, se tornaram objetos apenas para profissionais ou para aquelas pessoas que querem fotos um pouco melhores.
    Alguém consegue se imaginar usando uma câmera dessas pra baixar app’s e outras funcionalidades, sendo que já faz isso no celular?

  2. Prevejo que em breve tudo será dominado pelo Android. Smartphone, câmera fotográficas, relógios e vários outros já estão com o robozinho. Android dominando o mundo.

  3. Talvez tenha um público mais restrito, mas vejo como uma evolução. Pessoas que gostam realmente de fotografia nunca se contentarão com uma câmera de celular.
    Conheço pessoas que andam com uma câmera digital gigante por aí só para contar com alguns recursos que nunca teriam num celular, como flash (de verdade, não aquele ledzinho que a gente chama de flash haha), zoom analógico, controle manual de foco, botões dedicados para funções da câmera, etc… Mas essas pessoas não contam por outro lado com todos os recursos que um Smartphone pode oferecer, principalmente no que diz respeito à instalação de apps para os mais diversos fins, entre os quais compartilhar as fotos diretamente do dispositivo, aplicar filtros, fazer ajustes, etc. etc. e etc.
     
    A grande vantagem é que a fabricante não teria que implementar todos os possíveis recursos da câmera. Por exemplo: é fácil desenvolver uma câmera que compartilhe fotos no Facebook via Wi-Fi, mas se daqui 6 meses o Facebook se tornar obsoleto e uma nova rede social emergir, o consumidor ficará dependente da fabricante lançar atualizações que incluam a opção de compartilhar pela nova ferramenta… o que na prática significa: melhor comprar uma câmera nova.
    Já rodando um SO como o Android que roda em vários dispositivos diferentes de fabricantes diferentes e que atinge um público extenso, o interesse em criar o aplicativo não seria da fabricante, mas do próprio criador da ferramenta. Isso sem contar que se você tiver uma necessidade menos comum, do tipo: enviar suas fotos em tempo real para um sistema de Blogs russo, popular entre brasileiros da região centro-oeste que apreciam fotografia experimental (?) … esqueça, uma fabricante nunca iria desenvolver um aparelho com essa funcionalidade… Mas a possibilidade de que os próprios russos criem um app para Android e iPhone é BEM maior.
     
    Sinceramente eu espero que tenha algum sucesso, mesmo que for mais restrito. Às vezes não há o que substitua uma câmera digital dedicada. O único problema é… Android 2.3?? Pra um lançamento atual, Android 4.0 era o mínimo, não?

Comente!