Patente do Google revela vídeo-conferência 3D para notebooks

Além da patente de “fale para tweetar“, o escritório americano de patentes também aprovou hoje um pedido de registro do Google que ilustra um dispositivo de computação, como um notebook, que contará com duas câmeras de vídeo para conferência 3D.

O blog Patent Bolt explicou como a tecnologia irá funcionar: [Nota: Estereoscopia é processo das imagens 3D. A maioria das técnicas estereoscópicas apresentam duas imagens compensadas de forma independente para o olho esquerdo e direito do espectador, mas o cérebro as combina para dar a percepção de profundidade 3D]


O exemplo específico do Google é assim: o notebook com as duas câmeras poderia ser usado por um primeiro usuário para produzir uma imagem estereoscópica durante uma sessão de vídeo conferência quando este estiver ativo no modo estereoscópico portátil. Em alguns casos, a imagem estereoscópica poderá ser exibida localmente ou enviada para um dispositivo de computação remota através de uma sessão de videoconferência.

Se um segundo utilizador se juntar a sessão de videoconferência na mesma sala, o notebook poderia ser alterado de um modo estereoscópico para um modo multi-imagem, de modo que as imagens separadas do primeiro utilizador e do segundo utilizador poderiam ser usados durante a sessão de videoconferência.

A ideia principal, segundo o blog, estaria na possibilidade de que duas pessoas poderiam participar de uma conferência usando um único notebook. Os usuários poderiam se sentar na frete do dispositivo, apontando uma câmera para cada, ou direcionando a câmera traseira para ver o segundo participante.

2 Replies to “Patente do Google revela vídeo-conferência 3D para notebooks

  1. Muito bom, mais quando essa tecnologia vai estar disponivel para o publico em geral ou sera que ela foi elaborada para se tornar de uso exclusivo dos magnatas ?

    1.  @ProjetosThomaz mas quando e não MAIS quando. Desculpa lá estar a corrigir-te mas este erro é tão comum por aqui que não podia deixar, mais uma vez, passar a oportunidade.
       
      Da Google poderemos esperar tudo, inclusivé que massifique esta tecnologia.

Comente!