Google penaliza sites que ferem direitos autorais

2
81

O Google anunciou que irá promover uma mudança em seus algoritmos de pesquisa para dar maior relevância aos sites que respeitam os direitos autorais.

A empresa processou mais de 4,3 milhões de pedidos de remoção de URL nos últimos 30 dias e planeja redirecionar esses dados como um sinal para rankings de busca.


“Sites com elevado número de avisos sobre remoção podem parecer em locais desfavoráveis em nossos resultados. Essa mudança de classificação deve ajudar os usuários a encontrar fontes legítimas, de qualidade, como uma canção no site da NPR, um programa de TV no Hulu ou música nova no Spotify”, divulgou o buscador.

O Google explicou ainda que não pode discernir quando um site viola a lei de direitos autorais, de modo que o novo sinal só vai influenciar a classificação dos resultados de busca.

Embora não seja citado na nota oficial, a mudança é um bom negócio para o próprio Google já que o Google Play é uma loja de conteúdos digitais e seu destaque garante a possibilidade de rendimentos.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorAplicativo altera celulares de SP no Google Contacts
Próximo artigoMotorola vai demitir 4 mil funcionários nos EUA
é pós-graduado em Gestão da Comunicação em Mídias Digitais pela ESPM. Fundador da FragaNet Networks, empresa especializada em comunicação digital , cujo o portfólio estão projetos como: Google Discovery, Arquivo UFO e Muito Curioso. Foi colunista de tecnologia no TechTudo, da Globo.com.

2 COMENTÁRIOS

  1. Demorou, mas vão fazer algo de relevante para acabar com isso. Aqueles que produzem conteúdo de qualidade acabam perdendo posições ou deixam de ter uma posição melhor por causa desses sites e blogs que oferecem conteúdos piratas. Ótima notícia e mudança.

Comente!