Google perdeu o interesse no Twitter após a criação do Google+

É o que afirmou Fred Wilson, fundador da Union Square Ventures e ex-membro do conselho do Twitter, durante a conferência TechCrunch Disrupt em Nova York, realizada hoje pela manhã.

“O Google não tem interesse em comprar o Twitter, uma vez que eles se comprometeram o Google+”, disse Wilson em entrevista ao blogueiro Michael Arrington. “Se eles ainda possuem algum interesse, o serviço está avaliado em US$ 3,7 bilhões”.


“O Google+ teve um começo lento, pelo menos em termos das pessoas realmente usá-lo. Mas o Twitter poderia não ter sido o ajuste perfeito pois o Google precisava de uma camada social que pudesse integrar em todos os seus produto e não apenas de uma plataforma de microblogging”, mencionou o executivo.

Poderia o Google ainda ter planos para comprar o Twitter?

6 Replies to “Google perdeu o interesse no Twitter após a criação do Google+

  1. O Google nunca, NUNCA teve interesse no Twitter. só por um breve momento, em que se enganou e acabou comprando o JAIKU…. Teria sido cômico, se não tivesse de fato sido trágico!

    1.  @Compulsivo Vale lembrar que o Google comprou o Jaiku para construir o Google Buzz. Eles estavam mais interessados nos engenheiros do que na tecnologia. 

  2. Não consigo imaginar hoje um twitter integrado com tudo do Google, não seria mais twitter. E outra, o Buzz já era muito parecido, só não famoso.

  3. Porque não fazer do Twitter uma segunda pele para o G+?  Eu faria e gostaria, não gosto do twitter, acho uma site a mais para ficar prestando atenção, se tivesse já embutido no G+ ajudaria.

  4. Bom.. apenas minha opinião…. Obvio que o Google presta atenção no Twitter, mas acho que a grande questão é saber como gerar algum lucro com a ferramenta, e acho que ai que está o maior “problema”

  5. Na boa…
     
    Acho que infelizmente o Google sabe fazer muita coisa, menos redes sociais. O Orkut vivia cheio de bugs, de donuts que o servidor comia e voltava a dar erro, de limitações. O Google wave e o Google Buzz, alguém lembra? Pois é. 
     
    Já o Google + tem até um anúncio bonito na tv, mostrando as fotos do recém nascido, é comovente. Mas.. o Facebook chegou prieiro. E aí… sabe como é, para quê ter as mesmas pessoas em duas redes sociais?

Comente!