Infraestrutura do Google está preparada para um ataque alienígena

De acordo com Eran Feigenbaum, diretor de segurança do Google Enterprise, a gigante da internet tem trabalhado diariamente para evitar qualquer tipo de problema que possa causar interrupções, principalmente em seus produtos que atendem o mercado corporativo.

“Parte do nosso plano de recuperação de desastres é assumir que o pior aconteceu. No cenário do ano passado, o Google foi atacado por alienígenas e a Califórnia foi apagada do mapa. Nós perguntamos: O que vamos fazer? Como é que vamos executar nossa infraestrutura?”, disse o o executivo em entrevista ao site CIO.


“A partir de uma perspectiva de segurança de rede, nós procuramos construir nosso próprio processo de defesa. Estou há 20 anos no setor e uma organização de segurança somente pode ser considerado boa se souber como reagir a um incidente”.

Com relação a incidentes que possam causar perdas de dados, Feigenbaum alerta que o Google se declara publicamente como responsável pelo gerenciamento do problema, além de notificar os clientes. “Há uma idéia de que se algo acontecer com os seus dados, você não vai saber. Com certeza, nós vamos lhe dizer”.

“Quando há um incidente de segurança, nós escalamos um coordenador cuja a função é fazer a triagem desse incidente. Para isso temos uma equipe 24h de segurança em nossas operações importantes na Califórnia e em Zurique, para que possamos trabalhar em diversos fusos horários”.

6 Replies to “Infraestrutura do Google está preparada para um ataque alienígena

  1. Agora me sinto mais tranquilo sabendo que em uma invasão alenígena eu ainda poderei usar o Google me informar mais sobre os ets.

  2. Já ouvi casos de um plano de recuperação de desastres de um grande banco brasileiro, que se precaveu até contra a queda de um meteoro no datacenter.

Deixe uma resposta para @michelrubens Cancelar resposta