Google Chrome OS: sistema operacional do Google para Netbooks

37
347

O Google acaba de anunciar uma grande novidade que colocará a firma de Mountain View em confronto direto com a Microsoft: Google Chrome Operating System – um sistema operacional leve de código aberto que será inicialmente voltado para Netbooks. “Esta é a nossa tentativa de repensar como os sistemas operacionais devem ser”.

“Ainda este ano disponibilizaremos seu código-fonte e netbooks com o Google Chrome OS estará disponível para os consumidores no segundo semestre de 2010. Temos conversado com parceiros sobre o projeto e nós vamos em breve trabalhar com a comunidade de código-aberto, nós queremos compartilhar a nossa visão agora para que todos compreendam o que estamos tentando alcançar” disse o Google.


Assim como todos os seus produtos, o Google Chrome OS também apresentará como foco de desenvolvimento uma velocidade aprimorada, simplicidade e segurança. “Nós estamos projetando o sistema operacional para ser rápido e leve, sua inicialização até entrar na web será de poucos segundos. A interface do usuário é mínima para permanecer fora do seu caminho, e explorar mais a experiência do usuário na web”.

O Google explica que Google Chrome OS é um projeto diferente do Android – plataforma desenvolvida desde o início para dispositivos móveis – e está sendo criado para pessoas que gastam grande parte do tempo na web e também será designado para dar poder a computadores pequenos até sistemas desktops full-size.

Netbook – “Termo usado para descrever uma classe de computadores portáteis tipo subnotebook, com dimensão pequena ou média, peso-leve, de baixo custo e geralmente utilizados apenas em serviços baseados na internet, tais como navegação na web e e-mails” diz a Wikipédia.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorGoogle quer tornar a web mais rápida
Próximo artigoPrimeiras imagens do Google Chrome OS são falsas
é bacharel em administração de empresas e fundador da FragaNet Networks - empresa especializada em comunicação digital e mídias sociais. Em seu portfólio estão projetos como: Google Discovery, TechCult, AutoBlog e Arquivo UFO. Também foi colunista de tecnologia no TechTudo, da Globo.com.

37 COMENTÁRIOS

  1. Eu quero muito ver um OS que seja poderoso, leve, uso simples, que execute boa parte dos arquivos de mídia como o ogg e o pesadissímo MKV e com o melhor de tudo, LIVRE! Esse é o sistema que eu com certeza instalaria no meu computador.

  2. Espero que a Google consiga fazer algo sem muitas incompatibilidades e que de uma surra no Windows… Há muito tempo precisamos de algo assim.

  3. A concorrência no setor de sistemas operacionais vai se acirrar, tal como aconteceu desde o lançamento, inicialmente, do iPhone (pela Apple) e, depois, do Android (pela Google). Isto é muito bom para o consumidor.

  4. Se conseguirem fazer rodar os principais programas da Microsoft, ai sim conseguirão crescer muito!

  5. Queremos a versão desktop para ontem, com certeza instalarei no meu pc, ótima iniciativa do google.

  6. Ótimo! Mas fica uma duvida… Será baseado no Linux? Se for, dai sim veremos o famoso “ano do Linux”, se não, acho q o pinguim pode esquecer isso de vez… rs

    Uma coisa, acho q temos um erro em “… compreendam o que estamos ‘a’ tentando alcançar”.

  7. William, valeu pelo aviso. Está corrigido.

    “O Google Chrome OS poderá ser executado nas plataformas x86 e ARM, e estamos trabalhando com diversos fabricantes de equipamentos para colocar vários netbooks no mercado no próximo ano. A arquitetura do software é simples – o Google Chrome é executado em um novo sistema de janelas com base em um núcleo Linux. Para os desenvolvedores de aplicativos, a plataforma é a web.” :)

  8. Eu acho o Chrome horroroso do ponto de vista da usabilidade. Instalei e me arrependi. Tomara que a Google nao comemeta o mesmo erro.

  9. Não foi o Google que falou que ninguém quer mais software rodando no computador? Disse que as pessoas só precisam de browsers, Google Docs e Apps? Mudou rápido de opinião.

  10. Nem por isto Joe, se você parar para analisar este novo OS, além de carregar em SEGUNDOS assim como os’s para celulares e pdas, ele é baseado em web, ou seja, a intenção não é um programa como Suite MS-Office instalada na Máquina ou uma Suite BrOffice, mas sim, utilizar compatíveis disponíveis na web, como, Acrobat.com, MS Live Office, Google Docs, etc.

    Os únicos programas em que realmente precisaremos instalar serão, Acrobat Reader, Flash Player, Silver Light e uma JVM, é claro.

    Para os programadores, ainda não será muito útil, mas, para a “massa” de usuários finais será excelente. Pois, apenas o fato de não precisar carregar pendrives ou salvar em disco já é algo admirável, e “Viva ao Cloud Computing” assim como disse nosso amigo “Madox”.

    Sim, o G-OS(carinhosamente apelidado) é baseado no Ubuntu 8.04 ( mas esta é a versão de testes mais antiga ).

    Mas, ainda vem o único problema disso tudo.

    Infelizmente o Brasil é o único país no mundo a utilizar conexão Dial-Up para a internet, em outros paízes é somente utilizados para VPN.

    Infelizmente ainda não temos uma conexão de 40Gbps em fibra ótica gratuíto em cada residência como em pequenas cidades do Reino Unido.

    Até mesmo na Angola, há 3 anos que a internet chegou por lá, mas, já chegou com velocidade de 20Gbps.

    Enquanto isso, digam Adeus à plataformas leves e robustas que não necessitem de disco rígido mas de conexão à internet T2 ( altíssima velocidade ).

    :-(

    • Olá Antunes,

      Sim, você poderá instalar em notebook ou desktop. Como o projeto visa especialmente Netbooks, não espere inicialmente algo robusto para substituir seu Windows ou Linux. :)

  11. Incrivel a capacidade do povo para opinar sobre o que não conhece. Já vi gente falando da aparência do Chrome OS, do desempenho, fazendo comparativos de tempo de boot com o Ubuntu, gente dizendo que já está formatando o hd para abrir espaço e, pasmem, autores de blogs de tecnologia dizendo que até vão comprar o “tal de netbook” depois do anúncio do Google.

    Pra mim é uma ótima notícia. Um incentivo à mais para a adoção de S.O.s Open Source, e o começo do fim da hegemonia do Windows e seus padrões egoístas e impositivos. Já uso Ubuntu no desktop, no notebook e a versão Remix no meu netbook Positivo. Com certeza testarei o Chrome OS. Mas sem fanatismos. Não vamos criar uma nova legião de fanboys, pessoal.

  12. ninguem conseguiu desvendar uma dúvida que meu colega xandelly teve, você poderia descenda-la para mim?

    existe algo que explique a ecolha das cores AZUL, AMARELO, VERMELHO E VERDE, que são as mesmas do login da Microsoft?

  13. O Google é um forte concorrente da MS.

    Por isso, a MS tentou desesperadamente comprar o Yahoo! e agora lançou o Bing.

    Quem sai ganhado é a computação em nuvem pois no futuro tudo será feito na web.

    A idéia por trás disso tudo é que o Google quer dominar os netbooks, pois são baratos e qualquer um pode comprar e a principal função deles é acessar a internet. É um ótimo mercado.

    E quem sai ganhando somos nós!

  14. Este sistema verdadeiramente tornaria a Google líder de mercado e com grande número de fãs, o projeto linux quase deu certo, seu erro foi na usabilidade do programa, mas valeu a tentativa.

Comente!