Google e Twitter podem desenvolver mecanismo para pesquisas em tempo real

twitter-fail-whaleEmbora os novos rumores envolvendo as empresas Google e Twitter tenham demonstrado que uma possível fusão poderia ocorrer, uma nova fonte do blog TechCrunch revelou que Evan Williams, CEO do Twitter, não deve vender a rede social mesmo com uma oferta de $1 bilhão. “Ele pode até piscar, mas ele não deve vendê-la” disse uma fonte próxima as empresas.

Por outro lado, o Google também poderia estar preocupado com as questões antitruste que envolvem novas aquisições no segmento de buscas, ramo muito bem conquistado pela firma de Mountain View. Deveria o Google pagar mais de 1 bilhão Twitter? Muitos analistas acreditam, caso a rede social venha a ser analisada como o “futuro das pesquisas”, que este valor seja no momento uma “mixaria”.


Entretanto, as discussões entre Twitter e Google continuam a ocorrer. De acordo com fontes, o Google estaria negociando com o Twitter um “feed em tempo real” que pudesse trazer uma maior agilidade para a indexação das mensagens postadas, reduzindos os efeitos de uma verificação temporária que é feita atualmente pelos buscadores atuais.

Além de oferecer um grande valor para o Google, o feed em tempo real seria um importante passo para o Twitter na consolidação e espaço de seu mecanismo de pesquisas. “O Google poderá obter o leite do Twitter sem ter que comprar a vaca. No entanto, a verdadeira questão é, o Twitter compreende plenamente o valor deste alimentador?” disse Michael Arrington, editor-chefe do TechCrunch.

One Reply to “Google e Twitter podem desenvolver mecanismo para pesquisas em tempo real

  1. Bem que o Google poderia fazer uma parceria com o Twitter para dar suporte com o armazenamento dos dados do Twitter, assim “acabaria de vez” com as baleadas. :D

    Espero que se firme essa parceria, sendo que o usuário sempre possa desfrutar de uma ferramenta totalmente útil ou inútil para alguns.

Comente!