Google encontra dificuldades para disponibilizar publicações antigas na internet

Segundo informações da Reuters, o Google está encontrando atualmente grandes dificuldades para reformatar algumas imagens de jornais e adquirir direitos de exibição de publicações antigas, e devido a esse motivo, a empresa de internet já teria bloqueado “temporariamente” o acesso a alguns dos arquivos no Google News Archive.

As dificuldades teriam começado depois da aquisição de 20 milhões de páginas históricas digitalizadas pela PaperofRecord.com, uma empresa canadense responsável por digitalizar toda a história do jornal Toronto Star. Além de digitalizar internacionalmente jornais no Reino Unido, Austrália, Bahamas, Bélgica, Canadá, Chile, Equador, França, Alemanha, Irlanda, Itália, Holanda, Espanha e México.


Para o diretor da British Library, caso essa memória digital não seja reparada, existe o risco de “criar um buraco negro para os futuros historiadores e escritores”. Alguns jornais mexicanos antigos também estão indisponíveis, se queixam os acadêmicos, reportou a agência de notícias.

“Estamos fazendo o melhor que podemos para encontrar uma solução que inclua o máximo possível do conteúdo adquirido”, informou um porta-voz do Google sobre os problemas ocorridos na transição do arquivo de jornais.

4 Replies to “Google encontra dificuldades para disponibilizar publicações antigas na internet

  1. Acesso o GN todos os dias, é minha principal fonte de noticias. Mas pq a maioria das fontes que aparecem é da Globo? Não sou daqueles que quer ver a empresa carioca desaparecer, mas acho estranho ter 12 citações de "O Globo" e 0 da "Folha de SP" por exemplo. Segue um levantamento que fiz acessado o GN às 16h35

    Jornal – nº citações
    O Globo – 12
    G1.com.br – 4
    Estadão – 3
    A Tarde On Line – 3
    Abril – 2
    Último Segundo – 1
    Bem Parana – 1
    Correio da Manhã – 1
    JB Online – 1
    Público.pt – 1
    Futebolinterior – 1
    Bem Parana – 1
    Última Hora – 1
    AFP – 1

    abraços!

    1. Devemos levar essa crítica aos responsáveis da Folha Online, por exemplo. Talvez eles, que são os "financeiramente interessados", tomem algumas providências. Mande um e-mail para eles. Também acho desproporcional a distribuição do Google News.

  2. Concordo com o que o Leonardo comentou ….

    Nao sou muito fa da globo nao … prefiro ler um UOL que eh mais confiavel que o G1, e no GNews soh da grobo !

  3. antigamente eles publicavam artigos da folha de SP, mas acabei de fazer uma pesquisa e não consta mais nada, talvez o jornal tenha acabado com acordo.
    Mas o problema é a enorme quantidade de noticias da Globo. O intuito do GN não é unificar as fontes em um site, se tiver só uma fonte, prefiro acessa-la diretamente

    PS: fiz o comentário no post errado =]

Comente!