Twitter e a Internet em Tempo Real

Criado com o intuito de oferecer uma ferramenta simples, dinâmica e atualizada; o Twitter cumpre perfeitamente seu papel: manter você e outras pessoas informadas sobre o que estão fazendo. A idéia inicial pode parecer loucura, mas o serviço, que ganhou milhões de adeptos, está crescendo horrores e tem sido utilizado para os mais diversos fins.

Você pode utilizar o serviço para expressar suas opiniões pessoais, ampliar sua rede de contatos, melhorar o relacionamento com clientes ou simplesmente acompanhar o que aquele famoso blogueiro está fazendo no dia-a-dia. Mas algumas pessoas vão além dessas atividades normais, utilizam o Twitter como forma de contato rápido para amigos e familiares, como ocorreu no ano passado quando ataques terroristas atingiram a cidade de Mumbai, na Índia.


O Twitter também tem se destacado cada vez mais como a mídia “mais rápida do oeste”. O serviço pode não ser um faroeste, mas seu tiro de informações avança de forma mais rápida que a mídia tradicional, o motivo estaria no conceito “people power”, onde a pessoa normal pode se transformar no centro das informações, em pequenas ou grandes comunidades.

Neste último dia 15/01 tivemos mais um exemplo disso. Como muitos acompanharam, um avião da U.S. Airways precisou fazer um pouso forçado em cima do rio Hudson. Perto do local estava Janis Krums, usuário do Twitter que acabou revelando a primeira imagem do acidente (abaixo), talvez a melhor até o momento. A mídia tradicional, embora tenha apresentado um conteúdo melhor e mais organizado, chegou apenas 20 minutos depois no local.

us-air-hudson-full

4 Replies to “Twitter e a Internet em Tempo Real

  1. Verdade, venho notando a importância dessa rede no último ano, até acompanhei pelo twitter da Al jazeera a cobertura da guerra recente em gaza, criei uma conta nessa rede social, mas ainda tenho uma certa relutância em usar, penso que esse serviço ainda não é para mim, fica para quem gosta e/ou precisa.

    Acho que com o passar do tempo o twitter vai se focar ainda mais nas tecnologias móveis (não que já não esteja), dando ainda mais velocidade as notícias.

  2. Cara, seja mais humilde.

    “O que aquele famoso blogueiro…”.

    Ok, seu blog é famoso, e você também. Mas não fique dizendo. Pega mal.

Comente!