As 10 plataformas com mais destaque na web

O Read Write Web, um blog internacional especializado em mídias sociais, revisou recentemente uma variedade de plataformas web que estão gerando grande buzz e criando possibilidades na construção de novas mídias.

Em outras palavras, uma plataforma web pode ser descrita simplesmente como um conjunto de API’s, que viabilizam aos desenvolvedores a criação de aplicativos e produtos para a web. Estas plataformas, quando usadas da forma mais correta, permitem a criação de um site sofisticado e com uma tecnologia integrada.


Entre as plataformas mais promissoras estão:

1 – Plataforma Imeem: Música

Lançado no último mês de maio, a plataforma criada pelo Imeem permite que desenvolvedores tenham acesso de leitura e gravação das informações dos usuários, além da criação de players personalizados, acesso a dados de atividades e construção de sistemas de recomendações, playlists e music games. Imeem é um site onde as pessoas podem enviar, criar e ouvir a qualquer música, tudo de graça.

2 – Plataforma YouTube: Vídeos

Embora a plataforma desenvolvida pelo YouTube ainda não seja o que muitos esperavam, os desenvolvedores podem combinar em um site a opção de publicação de vídeos com o grande número de pessoas que estão procurando por novos conteúdos no YouTube. A plataforma criará um feedback mútuo benéfico para ambos os lados, trazendo a potencialidade e interatividade do maior portal de vídeos da internet.

3 – Plataforma Fire Eagle: Localização

Yahoo! anunciou recentemente que encerrou o período beta, criando a possibilidade que novas aplicações sejam criadas com base na plataforma de localização Fire Eagle, que agora está aberta a todos. Por meio da localização do usuário, é possível direcionar publicidade relevante com base em sua localização e, ao mesmo tempo, trazer informações importantes sobre estabelecimentos comerciais ao seu redor.

4 – Mozilla Weave: Informações de Usuários

Como forma de trazer a “Computação em Nuvem” para o dia-a-dia dos usuários, a fundação Mozilla está construindo uma plataforma que possibilitará aos seus usuários a viabilidade de tornar as informações armazenadas em seus navegadores acessíveis em todo lugar. Com a Mozilla Weave, os usuários poderão visualizar uma nova experiência de uso do Firefox e, ao mesmo tempo, elevar o controle sobre suas informações pessoais, além de oferecer aos desenvolvedores a criação de inovadoras experiências online.

5 – Live Mesh: Dispositivo Multi-Plataforma da Microsoft

O novo serviço Live Mesh, lançado no último mês de abril, convida as pessoas para um “preview tecnológico”, que permitirá sincronizar dados entre vários dispositivos, colocando os computadores numa nuvem computacional. Além de sincronizar os dados entre dispositivos utilizados por um único utilizador, o Live Mesh também permitirá compartilhar esses dados com outros usuários.

6 – API Semântica da Hakia:

O sistema de buscas semântico Hakia anunciou em junho que tornou disponível uma série de API’s que possibilitam aos desenvolvedores a geração de aplicações baseadas em suas plataformas de processamento de linguagem natural e buscas. Esta novidade permite que os desenvolvedores tenha acesso a 5 bilhões de páginas indexadas, além da tecnologia de processamento de linguagem natural.

7 – Iceberg: Todo mundo pode programar

Iceberg traz a democratização para a programação ao criar uma plataforma “Web 3.0″, na qual todo mundo pode programar. Embora o foco esteja em aplicações de negócios, como CRM ou ferramentas PM, você pode conectá-lo com tudo que oferece um serviço web. Departamentos de TI podem fazer o download da aplicação e utilizar o Iceberg de modo off-line, da mesma forma que o Windows SQL Server, por exemplo.

8 – Cascada Mobile: Qualquer pessoa pode construir um aplicativo móvel

As fronteiras da construção de aplicações estão deixando de ser limitadas com a evolução das ferramentas sociais, um exemplo disso é a plataforma Cascada Breeze, que permite que qualquer pessoa tenha seu aplicativo móvel dos sonhos em apenas “quinze minutos”. Apesar da proposta-conceito, é preciso ter uma habilidade técnica para o desenvolvimento de aplicações, mas a plataforma realmente torna a criação mais rápida que aqueles que ainda utilizam as mais variadas plataformas de desenvolvimento profissional.

9 – Android: O sistema operacional móvel e aberto do Google

Muito tem se falado ultimamente sobre as vantagens do sistema operacional móvel do Google em comparação com o iPhone, embora essa discussão seja extensa e muito detalhada, não é preciso dizer que ambas trazem grandes revoluções para o segmento de telefonia móvel. A plataforma Android, que apesar de ainda não ter sido ainda lançada oficialmente, está ganhando destaque devido a sua capacidade em permitir a criação de aplicações feitas por terceiros, o que tornará o uso e experiência ainda mais amplo.

10 – Meebo: Mensagem Instantânea na Web

Se existe um desejo na internet, este deve ser a comunicação entre as pessoas. Entre as plataformas mais usadas na internet está o Meebo, um site de reúne os principais players da comunicação online numa interface web e integrada. Entre as empresas que pretendem investir na plataforma estão os desenvolvedores de aplicações voltadas a games multiplayers, e aplicações de vídeo e voz.

Comente!