YouTube, sob ordem judicial, entregará dados de usuários à Viacom

Como o Rômulo Mendes já havia comentado aqui no blog, o YouTube informou hoje que recebeu nos Estados Unidos uma ordem judicial para fornecer informações do banco de dados do produto, incluindo nomes de usuários e endereços IP.

Segundo a equipe do produto, tudo está sendo feito para minimizar os efeitos da ação, além de proteger ao máximo a privacidade dos usuários.


O juiz pensou de forma diferente da nossa e deu ordem para que fornecêssemos os dados. A Viacom disse que precisava de informações gerais de exibição de vídeos para determinar a proporção com que se assistia a conteúdo que infringia direitos autorais e que não infringia.

Continuaremos a brigar por seu direito de compartilhar e difundir seu trabalho. A justiça impôs alguns limites – concordaram conosco que a Viacom não deve ter acesso a vídeos privados ou à nossa tecnologia de busca. Além disso, as informações fornecidas serão consideradas extremamente confidenciais por determinação judicial e apenas os especialistas e os advogados externos da Viacom terão acesso a elas.

Clique aqui para ler o comunicado na íntegra do YouTube.

8 Replies to “YouTube, sob ordem judicial, entregará dados de usuários à Viacom

  1. Que doideira isso. Acho que muita gente vai ficar com medo dos processos que vão ser gerados.

    Vou até dá uma olhada na minha conta pra ver se tem alguma coisas errada por lá. :D

  2. Este juíz nem deve saber para que serve uma máquina de escrever quanto mais o que é a internet.
    Gostaria de ver o FBI a investigar os filhos dele só para saber onde eles arranjam aqueles filminhos XXX e aquelas musiquinhas MP3 ;-)

    Deus nos fez livres e com livre arbítrio e assim será…

Comente!