Quem levará a Powerset?

nullPowerset foi lançada em beta público nesta semana. Trata-se de um site de buscas baseado em linguagem natural. Segundo o pessoal do TechCrunch, que tem avalidado o produto deste 2007, sua tecnologia tem potencial de trazer resultados mais relevantes que os da Google. Por enquanto, é muito difícil dizer se conseguirá isso, seja pelo fato de a tecnologia ser nova, seja porque seus resultados ainda trazem apenas as páginas de Wikipedia. Eu fiz algumas pesquisas e não gostei dos resultados, principalmente se considerarmos que os da Google para as mesmas requisições foram melhores. De qualquer forma, temos que ficar de olho neste buscador. Afinal, eu busquei em Português e parece que as buscas da Powerset ainda estão otimizadas apenas para o Inglês. Vale dizer que as pesquisas feitas em Inglês costumam ser melhores.

Você poderia então me perguntar: a Powerset enfrentará sozinha as gigantes Google, Yahoo! e Microsoft?


Dificilmente ela fará isto, porque os custos para o desenvolvimento e manutenção de um site de buscas verdadeiramente global são astronômicos e nada demonstra hoje haver espaço para um novo buscador, mesmo que revolucionário, porque os usuários parecem satisfeitos com as buscas, que hoje são muito parecidas, nos três sites citados. Em verdade, quando a Google surgiu com sua tecnologia revolucionária, teve um terreno fértil para o crescimento, porque os buscadores de então eram horríveis. Hoje, esta necessidade é menor. No entanto, aquele que não se desenvolver, ficará pelo caminho.

Assim, o caminho natural parece ser a venda da tecnologia para um deles. A CNet disse que a Powerset já contratou o banco de investimentos Allen & Co. para promover a venda e que a Microsoft já teria ofertado USD$ 100 milhões. Especula-se que a Google poderia entrar no páreo apenas para evitar que esta tecnologia entre nas mãos da concorrente.

Mas este parece não ser o único site do mundo focado em linguagem natural. Enquanto pesquisava para escrever este post, fiquei sabendo do buscador britânico TrueKnowledge. Segundo Débora Zupeli Bossois, os resultados desta máquina de busca são muito bons. Estou tentando conseguir um convite para acessar e, se conseguir, pesquiso e conto para vocês sobre a experiência.

O que acontecerá, somente o tempo poderá dizer. De qualquer forma, seria interessante ver os resultados dos grandes buscadores com esta nova tecnologia agregada.

Ah! Não nos esqueçamos do Cuill, que não faz pesquisa semântica, mas está prometendo revolucionar a Web, caso não seja antes comprada por alguém.

Lei também:
Google diz não para buscas com linguagem natural
Powerset e Cuill derrubarão a Google?
O futuro das máquinas de busca
Tipos de consulta em uma máquina de busca

2 Replies to “Quem levará a Powerset?

  1. 1) “e nada demonstra hoje haver espaço para um novo buscador, mesmo que revolucionário, porque os usuários parecem satisfeitos com as buscas, que hoje são muito parecidas, nos três sites citados”

    Isso é muito relativo. Porque na época que surgiu o google parecia que os buscadores eram bons.

    2) “Especula-se que a Google poderia entrar no páreo apenas para evitar que esta tecnologia entre nas mãos da concorrente.”

    É muito chato ver empresas comprando outras não pra “servir melhor a sociedade”, mas apenas para guardar na gaveta e impedir que outra empresa de inovar.

Comente!