Google Drive: esta brincadeira de 1º de abril já foi feita no ano passado

3
74

GDrive logoNosso leitor Gabriel, ao ler o post que publiquei ontem, lembrou-me de que no ano passado a Google anunciou oficialmente o lançamento do Google Drive e que isto era uma brincadeira de 1º de abril.

Agradeço ao Gabriel pela lembrança mais que oportuna. Confesso que, quando estava escrevendo aquele post, me lembrei de que poderia alguma coisa neste sentido, mas em anos anteriores e não especificamente este site oficial. Pesquisei e não encontrei nada. Pensei estar errado. Peço desculpas a todos por ter deixado de dar esta informação. Fui traído por minha memória.


A brincadeira foi muito gostosa e teve até Grupo de Discussão oficial criado pela Google.
Agora, fiquei pensando: e se eles anunciassem novamente neste ano? O Haochi e o Philipp Lenssen seriam os primeiros a desmentir (e eu, provavelmente, o terceiro, porque gosto de ler a ambos). Mas poderia ser um grande golpe publicitário, porque a imprensa do mundo todo criticaria a Google por requentar pegadinhas, o que demonstraria que seu poder de inovação estaria em xeque. Assim, enquanto toda a imprensa estivesse batendo, a Google começaria a liberar o GDrive para um usuário aqui, outro acolá e o debate público se esquentaria novamente, todos querendo saber se era verdade que teve gente que teria recebido sua conta do GDrive.

Não se se fará. Entretanto, se fizer, será um golpe publicitário genial.

3 COMENTÁRIOS

  1. Eu me cadastrei no GDrive e perdi TODOS os meu arquivos!
    Ninguém nunca me enviou nenhuma mensagem falando sobre o assunto.
    Foi horrível! Apesar de adorar o Google fiquei muito tempo com os dois pés atrás.

  2. Alessandra, você chegou a conseguir ter uma conta no GDrive? Por qual motivo você perdeu todos os seus arquivos? De que forma eles estavam guardados?
    Se você tiver conseguido abrir a sua conta no GDrive, seria um caso pouco conhecido e valeria à pena conhecermos. Por favor, entre em contato com este blog pelo email contato@googlediscovey.com e conte em detalhes a sua história.

  3. Recebi ontem um e-mail da Alessandra Levy com o seguinte texto:
    Olá Rômulo!
    Eu tinha uma conta do gmail drive. Fui viajar e por isso fiz a conta.
    Cadastrei meus arquivos, mas nunca consegui acessá-los em outro computador. Recebi inclusive as confirmações por e-mail, mas estas foram apagadas pelo google.
    Quando voltei para casa, meus arquivos não estavam mais armazenados no meu computador.
    Inclusive ontem, fiz uma busca em e-mails antigos, pastas e realmente foram apagados.
    Encontrei o link para o gmail drive ontem, mas tenho pânico de instalá-lo no meu computador e desaparecer tudo novamente. Fiquei traumatizada!

    Fiquei surpresa quando você disse que era um caso pouco conhecido. Imaginei que muitas pessoas fossem se cadastrar no programa na época.

    Apresento agora a resposta:
    Cara Alessandra: muito obrigado pela resposta.
    Agora ficou tudo muito mais claro. Você, na verdade, nunca teve uma conta de GDrive, mas do Gmail Drive. O Gmail Drive é uma extensão do Firefox, que permite ao usuário copiar diversos arquivos e até pastas completas para contas do Gmail, por meio do envio de e-mails. Eu mesmo uso o Gmail Drive e nunca tive problemas. Não sei o que pode ter acontecido no seu caso.
    O GDrive seria um aplicativo diferente e serviria justamente para deixarmos de usar o Gmail Drive (que é, por assim dizer, um quebra-galho e não resolve totalmente os problemas de quem precisa de um serviço de drive virtual.
    Se você precisa de um serviço assim, sugiro usar o XDrive (AOL) ou o SkyDrive (Microsoft). Ambos são excelentes.
    Abraços, Rômulo

Comente!