Consumidores japoneses mostram para onde seguirá a Internet

Google Mobile logoA Internet sempre foi baseada nos portais e, depois do advento da Google, nas buscas, via computadores portáteis e de mesa. No Japão, entretanto, um novo movimento propiciado pelas redes 3G e, mais recentemente, pelos testes das redes 4G, além dos smartphones, está modificando este panorama. Definitivamente, a Internet está migrando para os dispositivos móveis. Mais que isso, esta tendência tem tudo para se firmar em todo o mundo, inclusive no Brasil, que será coberto por redes 3G ainda neste ano. E adivinha quem está ganhando esta batalha no Japão. Acertou que apostou na Google. Curiosamente, a Yahoo!, que lá é líder em buscas em computadores, está perdendo para a Google em dispositivos móveis, graças às parcerias com a NTT DoCoMo e com a KDDI. Gozado, este tal de GPhone não me sai da cabeça!…. Será que esta é a estratégia da gigante de Mountain View para vencer a Baidu, na China e a Naver, na Coréia do Sul? Penso que sim.

Fonte: BusinessWeek


3 Replies to “Consumidores japoneses mostram para onde seguirá a Internet

  1. A Yahoo Japan (que nao faz parte do Yahoo USA) nao pode fechar acordo com as operadoras de celular pq a empresa dona do Yahoo Japan, a softbank, tambem possui uma operadora de celular.

    Aqui no Japao praticament nao existe smartphones ao estilo treo, winmobile ou backberry, sao todos celulares com teclados numericos. A um tempo atras a softbank tentou lancar um smartphone, mas foi um fracasso total.

  2. Caro Atsunori Ando,
    Achei um barato o seu comentário. Eu não sabia que éramos lidos no Japão. Sei que temos uma grande comunidade brasileira aí, mas nunca esperei por isso.
    Muito obrigado pela participação. Venha sempre. Eu admiro muito o Japão. Sou viciado em sushi e acho que carro de qualidade é carro de origem japonesa. Entretanto, por aqui temos poucas informações sobre o Japão, em face da barreira linguística. Se vocês da comunidade brasileira nos informarem mais sobre o que está acontecendo em termos de tecnologia, ficaríamos muito felizes.
    Quanto ao Yahoo Japan eu sabia da parceria com o Softbank, que, diga-se é uma das empresas vitoriosas da era da Internet 2.0. Entretanto, não é totalmente desligada, porque o Jerry Yang é diretor da empresa japonesa e os serviços oferecidos parecem ser os mesmos que no resto do mundo (pelo menos os ícones são os mesmos).
    Eu não sabia que o Softbank possuia operadora de celular. Realmente, a Yahoo! Japan somente deverá ter parceria com a operadora do Softbank. Imagine a complicação que será se a Microsoft comprar a Yahoo!
    Para mim também é novidade não existir no Japão smartphones Palm ou Backberry. Fico agora pensando se os japoneses se adaptarão a este tipo de aparelho e se equipamentos como iPhone e o futuro gPhone terão sucesso por aí.
    É curioso pensar como uma sociedade tão avançada rejeita um produto, que todo mundo acredita que ela vai comprar às toneladas. Aí a gente vê como o aspecto cultural é importante. Você poderia, por favor, entrar em contato conosco e dizer as razões de isto acontecer.
    De qualquer forma, eu ainda acredito que o Japão será um dos lugares do mundo onde as buscas na Internet por celulares irão explodir.
    Um grande abraço,
    Rômulo

Deixe uma resposta para Atsunori Ando Cancelar resposta