Sun Microsystems: Google Android pode fragmentar o Java

Dolorosos flashbacks voltam a atormentar aqueles que viveram a guerra do Java entre Sun Microsystems e Microsoft que começou há 10 anos.  No início desta semana, o Google liberou sua plataforma móvel para celular – o projeto Google Android utiliza um padrão diferente Java – e segundo a Sun Microsystems, poderia fragmentar o Java em versões incompatíveis.

“Tudo o que cria uma maior diversidade ou pode fragmentar uma plataforma não é de interesse dos desenvolvedores”, disse Rich Green, vice – presidente executivo da Sun Microsystems, para repórteres na conferência Oracle OpenWorld em San Francisco. “O feedback dos desenvolvedores neste momento é,” Ajude-nos corrigir isso”.”


Disse ainda que a Sun quer trabalhar com o Google para resolver qualquer problema envolvendo a plataforma. “Estamos realmente interessados em trabalhar com o Google para ter certeza que os desenvolvedores não terminarão com uma plataforma fragmentada”, finalizou Green.

Google por sua vez respodeu as argumentações da Sun Microsystems em um tom nada conciliatório, argumentando que, quando se trata de fragmentação Java, Android é a solução e não o problema.

“Google e os outros membros do Open Handset Alliance estão trabalhando para ajudar a resolver a possível fragmentação e apoiar o desenvolvimento da comunidade, criando Android, uma plataforma móvel que responde às necessidades dos desenvolvedores, tem o apoio dos fabricantes líderes, e estará disponível como Código aberto sob uma licença sem restrições”, disse o Google em uma declaração.

Fonte: Cnet News

2 Replies to “Sun Microsystems: Google Android pode fragmentar o Java

  1. Gostei da resposta da Google, que pode ser traduzida em : “nosso java é maior que o de vocês, chorões”. :D

  2. Se o Google melhorase o java existente sem quebrá-lo em compatibilidade, iria ter milhões de pessoas e dispositivos para suas aplicações.

    Egos tsc tsc

Comente!