Google disponibiliza apenas 12% de toda informação existente no mundo

Você provavelmente deve imaginar: o Google deve armazenar todas as informações do mundo em sua “base de dados das intenções” mas não é verdade. Segundo Paulo Barreto, Industrial Leader do Google Portugal, o Google disponibiliza, até este momento, apenas 12% de toda a informação existente.

Para isso, a empresa criada há nove anos por dois estudantes de ciências computacionais, Sergey Brin e Larry Page, tem criado diversas iniciativas. Através do Google Books, por exemplo, é possível digitalizar os livros das principais bibliotecas mundiais. Tudo em nome do utilizador, que é o seu principal foco.


Fonte: Jornal de Negócios

One Reply to “Google disponibiliza apenas 12% de toda informação existente no mundo

Comente!