Governo brasileiro quer criar e-mail nacional com recurso de anti-vigilância

Por em 2 de setembro de 2013 – 19:55

gmailDe acordo com a Folha de São Paulo, o governo de Dilma Rouseff tem planos para criar um sistema de e-mail nacional que utilizaria a plataforma de segurança dos Correios. A ideia, segundo apurou o jornal, está em evitar que os usuários brasileiros tenham suas comunicações monitoradas pela internet.

“O plano é criar uma alternativa brasileira aos populares Hotmail, da Microsoft, e Gmail, do Google. O e-mail dos Correios contará com criptografia para resguardar a privacidade dos usuários, e os dados devem ser armazenados no Brasil, diferentemente do que ocorre quando se usa o Gmail, por exemplo”, disse Paulo Bernardo, ministro das Comunicações.

Por enquanto, os planos do governo estão voltados para a disponibilização de serviço pago e com o atrativo de “ser mais seguro”. Uma mudança na legislação também está sendo conduzida para tornar a leitura de uma correspondência eletrônica como uma violação similar as cartas.

“No Brasil, abrir [correspondência de terceiros] é crime. Precisa ser assim com e-mail também”, afirma o ministro Bernardo, que aproveitou para negar qualquer vigilância do governo brasileiro no sistema de e-mails nacional.

Será que o próximo passo da Dilma será a criação de uma rede social nacional?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários (0) Categorias: Google