Google+ chega a 170 milhões de usuários e ganha uma nova interface

63
31

O Google anunciou, nesta quarta-feira, uma grande mudança no Google+ ao trazer uma nova interface para o projeto social. Criada com o objetivo de aproveitar melhor os espaços da tela, a gigante de Mountain View apresentou uma versão mais “funcional e flexível do Google+”.

“O serviço agora inclui uma barra lateral de aplicativos para navegação, uma stream redesenhada para ajudar no fluxo de de conversas, perfis de usuários com fotos maiores, atalhos para Hangouts e uma nova lista de bate-papo”, publicou Vic Gundotra, Vice-Presidente Sênior do Google.

Os utilizadores agora podem personalizar a menu de navegação do Google+ na ordem que tenham interesse, bastando arrastar os aplicativos para cima ou para baixo para criar um ajuste próprio. Para esconder alguma aplicação, basta empurrar para o “mais”.

Também é possível acessar submenus ao passar o mouse por cima, ex: no aplicativo de fotos, você consegue adicionar novas fotos, acessar a galeria de imagens hospedadas no serviço ou imagens enviadas pelo Instant Upload.

O Google também aumentou o espaço das fotos e vídeos na stream principal, oferecendo uma timeline mais volumosa e confortável para os entusiastas do compartilhamento de conteúdo, e claro, para quem acompanha as informações.

Há também uma nova sessão especialmente criada para os Hangouts, permitindo visualizar convites feitos por amigos, participar de conversas ativas e assitir Hangouts públicos que estão sendo transmitidos ao vivo.

Para finalizar, Gundotra atualizou os números do Google+ ao revelar que mais de 170 milhões de pessoas já estão usando o Google+. “Estamos mais animados do que nunca para construir uma experiência social perfeita, em todo o Google”.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorLabs adiciona novos recursos ao Google Play Music
Próximo artigoOrkut anuncia integração com YouTube
é bacharel em administração de empresas e fundador da FragaNet Networks - empresa especializada em comunicação digital e mídias sociais. Em seu portfólio estão projetos como: Google Discovery, TechCult, AutoBlog e Arquivo UFO. Também foi colunista de tecnologia no TechTudo, da Globo.com.
  • saviolucas1998

    gostei muito legal

  • Repararam que agora tem um “espacinho” entre o stream e a lista de contatos? Bom luga pra colocar uns anúncios, não acham?

  •  @mdentinho é verdade, só espero que seja texto e não banner.

  • fccastro71

    To achando bem interessante essas inovações no Google +, vou comecar a usar com mais frequência até porque, de uns tempos para cá, o Facebook está ficando um saco!

  • LucianoCarvalho

    Ainda estou esperando uma inovação nesse Google+. Até agora não vi nenhuma.
    Nesse novo layout, como sempre, copiaram o FB.
    A capa é um dos itens copiados. Copiaram até o nome. Chamaram de “capa” mesmo.
    Google, ainda estou na espera de algo grandioso e novo!

  •  @LucianoCarvalho Muitas das novidades recentes do Facebook vieram primeiro no Google+. Então não é “como sempre” e sim um “aprendendo” com o outro. ;)

  • toninhoquartelgeral

    Naquele espaço entre a stream e o painel de bate papo, dá para colocar duas ou três janelas de bate papo, caso o monitor seja grande.  A barra de aplicativos, ficou muito show. O hangout ficou bem organizado. O explorar ficou incrível. Não tem jeito, o Google+ é bem superior ao Facebook. Ainda tem as várias ferramentas interagindo com os sistema. Gostava do Facebook que virou um Orkut azul… Que venha de vez o Google+.

  • vandrade

     @LucianoCarvalho Bom, acho que você não conhece o Google+ para falar que não existe inovação. Mas repeito sua opinião.

  • LucianoCarvalho

     @mdentinho Vc poderia me apontar as novidades do FB que foram tiradas do G+?
    Não estou sendo irônico não; eu realmente gostaria de saber.
    Pois, se eu for convencido disso, eu paro de falar bobagem…

  • LucianoCarvalho

     @vandrade Eu também respeito a sua. E, se não for pedir demais, vc poderia me apontar as inovações do G+? Obrigado, companheiro.

  • vandrade

     @LucianoCarvalho  @vandrade Hangouts, interatividade (muito superior ao facebook), organização de contatos, integração de serviços, etc.

  • Matheus Lustosa

     @vandrade  @LucianoCarvalho Inovação são só os hangouts mesmo. O resto é cópia. Ao menos ao meu ver.
     
    E olha que eu tenho G+ e não tenho Facebook. Mas ao contrário de muito fanboy cego consigo ver as coisas como elas são. O G+ não passa de uma cópia do Facebook com o Twitter, o que não quer dizer que seja ruim, até porque poucas coisas são realmente originais. É o mesmo que não admitir que o Android é uma cópia do iOS ou que o sistema de notificação do iOS é uma cópia do Android e por aí vai.
     
    O fato que me irrita no G+ é a Google querendo nos enfiar esse negócio garganta abaixo, atrapalhando a experiência de busca, que é no que a Google realmente deve se preocupar sempre. A parte social está se tornando mais importante do que a busca (a meu ver) para a empresa e é aí que a Google e principalmente nós, que utilizamos o serviço diariamente, perdemos.
     
    E sobre esses números de 170 milhões de usuários eu desconfio DEMAIS. Sei que vão falar que é porque eu não sigo as pessoas certas e blá blá blá, mas para ser sincero nenhum amigo meu usa G+ e eu só utilizo o serviço para seguir pessoas ligadas à tecnologia que eu gosto e eles postam 10 vezes mais no Twitter que no G+.
     
     

  • xvrptx

    não gosto de redes sociais, por isso gostei do Google Plus!

  • valteirnr

     @vandrade  @LucianoCarvalho páginas mais limpas e interatividade é o que eu gostei no G+, para quem gosta de jogos, é bem separadinho e facil de localizar as categorias, podemos ver o que está rolando na rede social e interagir com o que acontece. Uso o Face e Uso o G+, o face uso somente para ler tirinhas, e o G+ para fazer novos amigos!!

  • valteirnr

     @Matheus Lustosa  @vandrade  @LucianoCarvalho Concordo com você mais copia tem em todo lugar, o que manda é alguém fazer uma copia melhor que o outro, exemplo, então o Facebook é copia do Orkut que veio bem primeiro. Gostei de misturar o social com as pesquisas, pois se tornam mais relevantes, exemplo se eu procuro algo em minha cidade vou procurar digitando la, se algum amigo achou a mesma coisa que eu procuro fica mais fácil pois vai mostrar o que ele achou… Então a praticidade e a rapidez de localizar algo se torna fácil, mas nada são flores, pois todos tem um começo, até pegar para valer demora, o G+ ainda tem tempo para tentar se destacar, e lógico, comparar redes sociais como copias, isso é errado pois se você faz seu serviço eu não posso fazer o mesmo que você faz só que melhor, é importante ter disputa no mercado!!

  •  @toninhoquartelgeral é bem provável que o Google venha a usar aquele espaço no futuro, talvez para uso do próprio projeto social ou a integração de algo maior.

  •  @LucianoCarvalho  @mdentinho acho que vale citar algumas coisas como o visualizador de fotos, círculos, conversa por vídeo, edição de posts… depois lembro de mais alguns. :)

  • Matheus Lustosa

     @valteirnr  @vandrade  @LucianoCarvalho Eu concordo com o que você falou, no final quem realmente ganha somos nós enquanto as empresas ficam com dor de cabeça brigando uma com as outras para nos agradar. O meu ponto é que o G+ não é original, mesmo fanboys não conseguindo admitir isso.
     
    Acho que redes sociais são sim cópia uma das outras, da mesma forma que o Bing é uma cópia do Google. Mas isso não impede deu lançar um serviço e você imitar o meu adicionando uma ou outra funcionalidade para se diferenciar.
     
    Novamente não acho o que a Google faz errado de forma alguma, mas também não sou cego.

  • LucianoCarvalho

     @Matheus Lustosa  Gostei muito da sua opinião. Percebe-se que vc é uma pessoa ponderada e racional. Eu, de forma alguma, tenho qualquer tipo de ódio pelo Google. Eu apenas esperava mais do G+. Mas MUITO MAIS mesmo…

  • erigobeli

    Eu gostei , só acho que o campo para novo compartilhamento e os botões para manipular as fotos (adicionar, deletar, compartilhar) deveriam estar fixos. Eu me lembro que o layout anterior tinha esse mesmo modelo e eles colocaram fixo depois. 

  • vandrade

     @Matheus Lustosa  @LucianoCarvalho Bom amigo, gostar do twitter é complicado. Uma ferramenta que nos deixa digitar apenas 140 caracteres só serve pra postar informações incompletas e  publicidades. Hoje dia, dizer que uma coisa é cópia da outra é muita ignorância. O Google+ é uma ferramente de troca de conhecimentos e informações. O Facebook é uma ferramenta mais limitada e com um menor grau de privacidade. E entre conhecimento e fofoca (sim, facebook não passa de um rede social onde você descobre coisas da vida alheia, até porque esse foi o seu objetivo desde quando o Mark começou a programar o site.) prefiro o conhecimento. Não estou dizendo que o facebook é uma ferramente ruim, mas o objetivo entre Google+ e Facebook são totalmente diferentes.

  • valteirnr

     @vandrade  @Matheus Lustosa  @LucianoCarvalho Concordo com você, deveria mostrar diferencial, mas e ai, o que seria esse diferencial?? Suponhamos que eu quero uma ferramenta, mas você não pois não usa, então acho interessante chegar em um acordo, que seria você dar sugestões para a equipe trabalhar, é através disso que conseguem fazer algo diferente, eu em nenhuma maneira estou de um lado e do outro, pois uso as duas redes sociais, e me servem no que uso, mais acho eu que é dificil, mesmo para uma empresa no porte da google, agradar a todos e colocar todas as ferramentas que todos queriam. Se o simples ja torna complicado imagina se complicassem ainda mais a rede, e Luciano Carvalho, não entendi quando você disse considerou somente uma pessoa Racional e Ponderada, opiniões diferentes é bom para melhorar o convívio de todos, imagina se todos fossem iguais que terrivel seria?? Não gostei dessa parte sua pois quer dizer que não somos racionais nem ponderados???

  • gustavoh

     @LucianoCarvalho Não é por nada, mas até agora o FB não inventou nada para seus usuários, continua com um gráfico ridículo e ultrapassado, a Google, sempre inova, e quando dizemos “copiar” é realmente fazer igual, quando melhoramos, este se torna novo…. algo que  o Fb não faz, (visualizador de fotos ficou igual o da Google) ninguém falou nada, ficaram com o rabo entre as pernas… aff eca FB…

  • LucianoCarvalho

     @valteirnr  Assim é difícil…vc se comporta como uma criança de 5 anos. Se os pais elogiarem o irmãozinho, ela vai chorar e dizer: “vcs gostam mais dele do que de mim! buáaaa”. kkkk

  • valteirnr

     @LucianoCarvalho Não disse isso, acho que você esta sendo criança, leia e depois veja o que eu disse, respeito sua opinião, uso os dois, mais acho que você não tem o direito de ofender outras pessoas por opiniões diferentes! Aprenda a distinguir as coisas!

  • LucianoCarvalho

     @valteirnr Aaaah tá…desculpa então…

  •  @renefraga  @LucianoCarvalho Adicionando ao que o Renê falou ai já: melhor administração da privacidade nas postagens, aprovação de tags em fotos, visualizar perfis como outras pessoas, tageamento (link em textos) de pessoas que não são suas amigas etc….

  • LucianoCarvalho

     @valteirnr Eu tbm te considero uma pessoa ponderada e racional…

  • valteirnr

     @LucianoCarvalho Agradeço a você, e gostei de sua opinião de esperar mais novidades do G+, espero que o G+ ou o Face, lancem produtos para melhorar nossas vidas e relacionamentos, obrigado Luciano

  • mohiganbg

     @LucianoCarvalho Visualizador de fotos, forma de postagens com opção de deletar que não existia ou re-editar.
     
    Na barra lateral agora eh possivel organizar sues amigos por categorias ou grupos como no circulos do google plus, fazendo vc ver oq aquele povo tah fazendo, separando tudo no timline. tem varias coisas mas nem sei dizer direito ainda pq to de saída pra facul. E a parte da “capa” na vdd o Google jah tinha, soh apenas SOBREPOS a foto do perfil, mais nada. e sim, eh um aprendendo com o outro, normal.
     
    Ambos são bons em certas partes, mas o Facebook tah sofrivel em conteúdo, organização e muita informações jogadas de forma desorganizada, isso aconteceu pq foi um BOOM mto grande e soh depois eles começaram a arrumar aos poucos, mas como sabemos, dificil um usuário se acostumar com novas ferramentas e se autoorganizar tbm. Ah e privacidade eh algo que o Google+ deixa claro no momento das postagens, oq demorou e mta gente ateh hoje nunca usou e já se ferrou com empresas.

  • vitprado

     @vandrade As vezes menos é mais. Em 140 caracteres a conversa é mais direta. Há quem goste.

  • Matheus Lustosa

     @vandrade  @LucianoCarvalho Cara, na verdade eu não disse em momento algum que gosto do Twitter. O fato é que as pessoas que eu sigo postam muito mais no Twitter que no G+.
     
    Só estava afirmando isso.
     
    É o que acontece.
     
    As pessoas que sigo, e não são tantas, postam um pequeno texto com um link bit.ly para um artigo, matéria, etc. Então é engano seu afirmar que só tem informação incompleta ou publicidade.
     
    Não entendi porque “hoje em dia” é ignorância afirmar que x é cópia de y. Antes não era e hoje se tornou? Ignorância é não ter uma opinião formada sobre os assuntos e acreditar religiosamente em determinados fatos de tal ponto a mudar a realidade de forma que ela se adeque ao que se acredita. Ou em outras palavras, servir de massa de manobra.
     
    O G+ é uma rede social, assim como o Facebook; acredito – com todo o respeito -, que é muito afirmar que o objetivo do G+ é troca de conhecimentos. O objetivo não é fazer um mundo melhor, cá entre nós; é ganhar público para num futuro ter publicidade. É sinceramente o que acredito e espero estar errado.
     
    É fato que o G+ tem muito mais postagens interessantes e “inteligentes” que o Facebook – apesar deu não ter o segundo sei como é, mas isso se deve ao fato do serviço ser muito menos popular e os early-adopters serem, em sua maioria, evangelistas Google e pessoais ligadas a TI e não o público em geral. Dá a impressão que o G+ é algo meio CULT.
     
    Com o tempo acredito que o G+ se torne um novo Facebook, cheio de memes ou seja lá o que estiver na moda e bobagens.
     
    Acho o G+ uma ferramente melhor do que o Facebook também, mas sustento minha opinião de que não passa de uma cópia aprimorada, e que espero que isso não se intrometa nas pesquisas do Google, que é o que realmente interessa à mim.

  • Matheus Lustosa

     @gustavoh  @LucianoCarvalho Então você acredita que o sistema de notificações do iOS não é uma cópia do Android? 
     
    O visualizador de fotos ficou igual mesmo, acho que vi neste blog uma matéria a respeito, o Facebook copiou a Google neste quesito. =) Isso não nega o fato da Google ter copiado o Facebook (e outras empresas) em tantos outros, a saber:
     
    – Pages: páginas de empresas;
    – +1, preciso nem falar nada, né? Isso foi algo inovador do Facebook;
    – Uma stream principal;
    – Check-in.
    – O conceito de seguir fulano ou ciclano, na verdade… adicionar ao Círculo;
     
    E por aí vai…
     
    Eu tenho certeza que em pouco tempo a Google vai vir com algo parecido com a Timeline, pode apostar. Talvez essa reformulada na página se deu devido à ela. Também tenho certeza que em breve o Facebook vai ter algo como os Hangouts e vão dizer: – Nossa! Como eles copiam o Google.

  •  @Matheus Lustosa  @gustavoh  @LucianoCarvalho o “Curtir” do Facebook foi criado originalmente pelo FriendFeed (acho que você não sabia disso).
     
    O +1, diferente do Facebook, gera indicações nos resultados de pesquisa do Google e alguns casos pode influenciar no PageRank. Ele tem um funcionamento bem mais amplo do que apenas somar números. :)

  • gigawil

    MALDITO BRANCO COM CINZA. Porque a google insiste nessa combinaçao de cores sem contraste nehum? Voce nao sabe onde termina uma coisa e começa a outra (igualzinho ao Reader). Ainda nao mudei a interface do meu Gmail por causa disso

  • toninhoquartelgeral

     @renefraga Me parece mais plausível assim. Obrigado.

  • toninhoquartelgeral

    Eu fui mais intruso na conversa de vocês aqui ao dizer, “Gostava do Facebook que virou um Orkut azul”, do que realista com o mundo de hoje das redes sociais. Entendo que um boa rede social tem que ter uma boa estrutura para impor seus limites e não deixar que tudo desande. Mas, todos sabemos que somos nós mesmos que fazemos uma rede ser um sucesso ou um desastre. Se deixamos o Orkut porque está um desastre por causas das pessoas lá e todos vão para o Facebook, o que vai mudar? Então essa outra rede social tem que corrigir os erros da anterior ou da concorrência…
    Me desculpem todos aqui. Percebi uma boa conversa inteligente e intelectual. O Google Discovery nos propõe sembre um debate de auto nível.
    Perdoem-me meu português ao qual sou um eterno aprendiz, mas sempre procuro agradar gregos e troianos…
    Sim, eu estou adorando o Google+, por ser muito bom e pelas ferramentas da Google que sempre usei: Gmail, Agenda, Docs, Google Maps, Google Earth, Picasa, youtube e claro o Google Search… Isso tudo junto me proporciona algo tão grande que não consigo encontrar outros meios que substituem todo esse conjunto de coisas.
    Mais uma vez, me desculpem, pois não queria ser chato, irônico ou outro péssimo adjetivo.
    Um abraço a todos.

  • vandrade

     @Matheus Lustosa Bom amigo, mas é claro que no final isso é tudo voltado ao lucro… Nesse mundo capitalista não é difícil acreditar nisso. Não sei se você falou se eu tenho opinião formada só porque prefiro o Google+. Se o Google+ fosse algo da massa, a popularidade dele seria maior, ou não? Bom, você mesmo disse que o Google+ é uma cópia aprimorada, portanto é melhor que o Facebook. Disse que é ignorância porque hoje em dia as “cópias” são simplesmente Benchmarkings de outro produtos e não algo “não-original”. Sem mais.

  • Matheus Lustosa

     @vandrade De maneira alguma eu falei se você tem ou não opinião formada sobre qualquer assunto, seria muita pretensão nossa tentar afirmar isso de alguém baseado em um comentário num blog, concorda?
     
    Mas fato é que é muito bom comentar com pessoas abertas ao diálogo e educadas.
     
    Como falei o G+ é melhor que o Facebook sim, e acho que vai dar certo num futuro porque a Google está investindo tudo o que tem nele, mas imagino que infelizmente ele vai acabar se tornando um Orkut/Facebook com o tempo, apesar de torcer pelo contrário. Claro que isso é puro achismo!
     
    Entendi o que você falou sobre a ignorância, tem razão em muita coisa.
     
    Mas existe originalidade e ainda irão existir. E é nesse ponto que eu amo a Google, quando ela nos surpreende. (Google Earth, Maps, Docs, Wave, Search, etc). Mas continuo achando que o G+ é uma cópia do Facebook. =)

  • vandrade

     @Matheus Lustosa Não gosto muito desse termo de “orkutilização”. Tinha um artigo muito interessante falando sobre esse tema, mas não lembro onde o encontrei, se eu achar posto aqui.

  •  @renefraga  @LucianoCarvalho  @mdentinho Não posso deixar de acrescentar que: edição de post, aprovação de tags em fotos, visualizar perfis como outrsa pessoas já existia no Facebook MUITO antes do G+. Mas @mdentinho , esse tageamente não existe no G+

  • @Luandersonn Eu acho que você deveria se informar melhor antes de fazer afirmações com tanta veemência. As outras coisas vou deixar pra você pesquisar, mas a questão da aprovação do tateamento em fotos pode ser respondida aqui: http://goo.gl/jZpZK

  • Stream ficou muito “espremida”. Deveria ter uma opção de ocultar a barra da direita (talvez você conheça, hangouts ativos, etc) para dar mais espaço à stream.
     
    Pesquisas salvas e outros círculos ficaram misturados.
     
    E esse visual cinza total é muito neutro e pouco atrativo.

  •  @mdentinho   Isso já existe no Facebook também, não tinha entendido, você falou link em texto…

  • Nos comentários é dado mais destaque ao nome de quem comenta do que ao comentário em si, que apresentado no onipresente cinza velório do Google+.

  • michelrubens

    Acertar na atualização, isso é Google!

  • michelrubens

     @MRodrigues concordo contigo nesse ponto. Mas achei a atualização incrível, no geral.

  •  @michelrubens Realmente melhorou, mas ainda tem muito espaço desperdiçado do lado direito. quando você desce a stream é exibida um imenso branco desnecessário à direita.

  •  @michelrubens Deveria ser mais ou menos como aqui: http://vk.com/girls.blog quando você desce a stream é ampliada para ocupar a área que ficaria em branco.

  •  @michelrubens Deveria ser mais ou menos como aqui: http://vk.com/uetoaya quando você desce, a stream é ampliada para ocupar a área que ficaria em branco.

  •  @Luandersonn Sim, já existe no Facebook. Tudo que estamos falando aqui existe nas duas redes. Apenas estamos listando as coisas que apareceram primeiro no Google+. A marcação de pessoas como link em texto, sim, existe primeiro no facebook (na verdade o facebook “aprendeu” isso com o twitter), mas a marcação de pessoas que não são suas amigas foi uma coisa que surgiu primeiro no Google+. Pode ter certeza que o que o @renefraga e eu listamos aqui, veio primeiro no Google+. 

  • Matheus Lustosa

     @renefraga  OK. Não sabia que o Like era do FriendFeed, muito obrigado por informar. O Facebook tamém não é original, e não tem nada errado com isso. Só estou querendo dizer o tempo inteiro que o G+ não é revolucionário e super original como tentam pregar, e sim uma reorganização do que já existia. Algo que a Apple faz com maestria e vende que é uma beleza (tirando o iPhone, que na minha concepção foi uma super inovação).

  • fdquadros

     @Matheus Lustosa Cópia? kkk isso apareceu no G+ primeiro, vai ler antes de dizer
     
    O G+ é rede social para descobrir novas pessoas e não falar com seus amigos add

  • vandrade

     @Matheus Lustosa Achei o artigo: http://colunas.revistaepocanegocios.globo.com/tecneira/2012/04/04/a-burrice-implicita-na-tal-da-orkutizacao/

  • Matheus Lustosa

    Amigo, você leu o que eu escrevi? Engraçado você mandar eu ir ler sem ao menos ter se dado o trabalho de ler o que eu escrevi, isso que é um comentário de 20 linhas e olhe lá.
     
    O que você está querendo dizer com “isso apareceu no G+ primeiro”? Isso o que? Dá onde você tirou essa idéia.
     
    E não, o G+ não é uma rede social para descobrir novas pessoas, ela é para você falar com amigos, em todas as propagandas que vi ela se refere a amigos combinando coisas nos hangouts, comentando, compartilhando idéias. Só está sendo para descobrir “novas pessoas” porque poucos usam o G+ por enquanto.
     
    Será que fui claro agora?
     
    No mais essa nova interface do G+ ficou muito bacana.

  • Matheus Lustosa

     @vandrade Muito bom o artigo, me abriu os olhos para alguns preconceitos que tinha. Obrigado!
     
    Só um detalhe: a questão sobre a falta de popularidade do G+ fica muito clara nessas barras de compartilhamento. O Facebook tem mais de mil likes e o G+ tem 82, mas realmente acredito que isso vá mudar futuramente, mas de maneira natural e não com a Google tentando forçar a barra, entende?
     
    Acho que uma rede social boa se constrói com o tempo, com a confiança do usuário e não forçando números como os 170 milhões de usuários da rede social.

  • vandrade

     @Matheus Lustosa Parceiro, o Google não está forçando nada… Você usa a rede se quiser, ninguém é obrigado a isso. Claro que eles estão investindo para popularizar a rede social, mas isso e normal e aceitável. O Google+ tem potencial e veio para desmonopolizar o Facebook. É mais uma opção de rede para os bilhões de pessoas com acesso a internet. Quanto a popularidade do Google+ pense na idade de cada uma das redes. O Google+ foi lançado ano passado, já o Facebook em 2004… são 7 anos de diferença. O Google+ com quase 200 milhões de usuários e o Facebook com 1 bilhão… No ritmo que o Google+ está, não vai demorar para desbancar o Facebook. Bom, eu acredito nisso. Abraços.

  • fdquadros

     @vandrade  @Matheus Lustosa Eu respondi o seu comentário, basta saber interpretar ;)

  • Matheus Lustosa

     @fdquadros Cara, não tem o que interpretar, numa boa. Você afirmou que “isso” o Facebook copiou do G+ e eu não sei que funcionalidade é essa que você está falando porque simplesmente não disse. Apenas assume que se enganou e pronto po, não tem nada de errado e isso não te tornará uma pessoa pior não, prometo. ;)

  • Matheus Lustosa

     @vandrade Quero dizer que o Google está forçando a barra do jeito que pode, claro que não dá para obrigar ninguém a usar o serviço. Esses números não indicam tanta coisa assim conforme, tenho bastante amigo que se cadastrou no G+ quando veio a onda, mas não postam nada (claro que o mundo não é só eu):
     
    http://www.gizmodo.com.br/conteudo/google-ja-ultrapassou-100-milhoes-de-usuarios-ativos-mas-uso-ainda-segue-baixissimo/
     
    Também tem um artigo bem bacana, em inglês, falando sobre essa questão de forçar os números e os males que isso pode acabar fazendo:
     
    http://allthingsd.com/20120224/caterina-fake-fast-growth-for-a-social-app-is-a-very-bad-thing/
     
    Mesmo assim concordo contigo e imagino que o G+ ainda terá seus dias de glória, mas não tão cedo como estão querendo vender e nem tudo são flores para o serviço.
     
    Pensa comigo, qualquer coisa que a Google fizer terá milhões de participantes pela sua base de usuários, a questão é o engajamento dos usuários após um tempo. Imagina se o G+ fosse de outra empresa quanto usuários realmente estariam no service; eles não estão lá (muitos desses 170 milhões) por acharem a ferramenta mil maravilhas e sim porque se cadastraram na base da novidade, afinal era só dar o nome e sobrenome e não estão mais utilizando.
     
    Claro que não sei quais são seus interesses e podem ser bem diferentes dos meus, mas se possível me indique alguém da area de TI que poste artigos interessantes no G+ para que eu possa seguir, se possível não funcionário ou ligado com a Google, esses eu acho fácil e já sigo.

  • vandrade

     @Matheus Lustosa a questão da “novidade do Google” tenho que concordar que realmente influencia no número de usuários. Mas o G+ tem potencial! Vou acreditar até o fim! haha

  • toninhoquartelgeral

     @renefraga  @Matheus Lustosa  @gustavoh  @LucianoCarvalho Eu não sabia disso. Que bom que tem gente que diz o que sabe e na hora certa. O Google+ me cativou por isso. O Facebook tem milhões ativos, mas é muita atualização de games, calendários, signos, correntes, curtição sem mesmo ler o post, a maioria tem preguiça de ler bons textos. Não digo que o Facebook não presta, pois há quem goste e são muitos, mas tenho percebido que o Google+ está com assuntos de nível cultural e intelectual bem acima do Facebook. Talvez por isso que muita gente que vive a vida que o Facebook oferece, odeia tanto o Gogole+. Parece se sentirem ameaçados de perderem um sistema de fofocas perfeito como o Facebook. Sendo assim, tem lugar para os dois. O Facebook fofoca e o g+ com um nível, digamos, mas inteligente.
    Até agora só ficaram comparando. Ninguém mostrou a real necessidade de usar o Facebook, por exemplo. Muitos intelectuais estão detonando o Facebook por ele estar corrompendo a maioria das mentes, por estas ficarem o dia inteiro falando mal de alguém ou na espera que apareça uma fofoca para compartilhá-la como Deus e o mundo. Eu sinto isso na pele. Já o pessoal do g+ são sensatos e não gostam deste tipo de vida do Facebook.
    Tudo bem que tem muita gente boa no Facebook e também tem gente escrota no g+. Mas, não sei porque, no g+ é muito fácil fugir deste tipo de gente. Já no Facebook é difícil encontrar gente de postura positiva.
    Acho que chega pra mim. Esse tipo de discussão, costuma não ter fim.
     
    E não acho o Google+ revolucionário, eu acho a Google muito foda. Teve ganhos record no trimestre passado. Soube agrupar bem seus serviços. Isso é revolucionário e está deixando muita empresa de cabelo em pé.
     

  • MatheusMK3

    Notei a atualização logo nos primeiros dias, a interface encaixa perfeitamente na tela de 1366×768 de meu laptop!!! Parabéns Google!!