Google Chrome Web Store

Por em 23 de maio de 2010 – 16:47

O Google anunciou, na semana passada, o lançamento de uma loja online para o sistema operacional Google Chrome OS. De acordo com a empresa, a Google Chrome Web Store será responsável por agrupar aplicativos voltados para a web e oferecer fácil acesso aos usuários.

Similar a estrutura da Android Market, presente nos smartphones com Android, a loja online do Google Chrome OS oferece atalhos de fácil acesso aos aplicativos existentes. Os desenvolvedores também terão a possibilidade de vender seus aplicativos usando um seguro sistema de pagamento, possivelmente o Google Checkout.

“A Chrome Web Store será lançada até o final do ano e pretende ser um mercado aberto para web apps. Usuários poderão instalar aplicativos adicionando atalhos a guia de novas páginas. Após a instalação de um aplicativo, o mesmo pode ser integrado ao navegador usando funcionalidades avançadas que solicitam permissão: armazenamento local, localização do usuário e notificações” explicou a empresa.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


5 comentários sobre “Google Chrome Web Store”

  1. Dejan disse:

    Minha certeza é certa, Renê. Dessa vez o Google pisou na bola ao criar esse Sistema Operacional porque não tem como armazenar arquivos offline e instalar programas. Se a intensão era brigar com o Windows, o MacOSX e outras distribuições Linux então entrou nessa para ficar para trás.

  2. Vinicius disse:

    Acredito que o Google não esteja entrando de cabeça nessa guerra dos SO (pelo menos a princípio). Mas, do mesmo modo que o windows está correndo atrás do mercado de sistema de busca, coisa que o Google faz há anos, o Google está começando a entrar no mercado de SO, coisa que tio Bill faz a anos.

  3. TCESARS disse:

    Bom, traduzindo, o Google quer que mesmo em outros Sistemas Operacionais o usuário passe mais tempo usando o Google Chrome.
    Para isso só precisam de mais alguns passos
    1 – Um player de mídia integrado ao Google Chrome.
    2 – Um gerenciador de arquivos locais (armazenados no hd)
    3 – Gerenciador de download via Torrent.
    4 – Melhorar o Google Docs (não q esteja ruim, mas sempre pode ficar melhor)